Já imaginou viver preso no corpo de uma criança? Desde a antiguidade e também em criações famosas do cinema como ‘Peter Pan’, o ser humano tenta encontrar maneiras de retardar o envelhecimento. Ser criança para sempre pode ser algo estranho, mas, para muitos seria um grande sonho realizado.

No entanto, quando esse deseja acaba contrastando com um problema de saúde, esse sonho pode se transformar em um verdadeiro pesadelo. Hoje iremos contar a história de Manpreet Singh, de 23 anos de idade. Apesar da idade, ele se encontra literalmente preso no corpo de um bebê que se recusa a evoluir e crescer.

Manpreet Singh real revela grande drama

Pode parecer uma daquelas histórias malucas que aparecem a todo momento na internet, mas, na verdade se trata de um verdadeiro drama que acompanha esse pequeno ‘rapazinho’ desde quando ele nasceu.

Medindo cerca de 58 cm de altura e pesando incríveis 5 kg, Manpreet precisa de cuidados a todo momento devido a sua fragilidade. Atualmente ele está sob os cuidados de seus tios e se recusa a morar com seus pais biológicos: “Nós o enviamos de volta para os pais várias vezes, mas ele não quer ficar com eles”, afirmou os tios do rapaz.

Ao longo do texto iremos usar o termo ‘rapaz’, pode parecer estranho, mas é exatamente assim que essa criança que não envelhece deve ser chamada, afinal, apesar da aparência Manpreet já tem 23 anos de idade.

Especialistas na área acreditam que Singh, na verdade, sofre de uma deficiência hormonal, que faz com que ele fique com a aparência de uma criança. Exames específicos ainda precisarão ser feitos, já que o jovem ainda não teve um diagnostico preciso sobre o seu problema e possível doença.

Alguns médicos apostam que se trata da síndrome de Laron, uma condição rara que afeta cerca de 300 pessoas em todo o planeta. No entanto, se trata apenas de uma suposta teoria já que ele precisará se submeter a mais exames para descobrirem de fato do que se trata.

O que acaba de certa forma dificultando esse diagnostico é o valor, cerca de 6 mil dólares apenas para realizarem investigações preliminares sobre o problema de Manpreet. Pessoas que possuem esse tipo de síndrome, tendem a ter níveis baixíssimos de um hormônio chamado ‘Somatomedina C’, responsável por estimular o crescimento das células.

Leia também

É assim que a protagonista de 'A Órfã' está após 9 anos; beleza impressiona [VIDEO]

Afinal, que fim levou a Tekpix, a mais vendida do país? [VIDEO]