Algumas situações noticiosas podem fazer com que reflitamos sobre o nosso futuro. [VIDEO]Recentemente, uma informação sobre uma mulher escocesa ganhou os sites de todo o planeta. Lauren Knowles ficou conhecida por ficar muito feliz com a barriga que crescia. A mulher acreditava que estava a receber uma dádiva de Deus, quando, na verdade, algo assustador e aterrorizante crescia dentro dela. Lauren Knowles acabaria indo do céu ao inferno ao saber o que estava a acontecer com sua vida. A sua história comoveu milhares de pessoas mundo afora.

Lauren é casada com Trent e o casal tinha apenas um filho. [VIDEO] Os dois tinham o sonho de dar um irmãozinho ou irmãzinha ao garoto.

Por isso, a felicidade foi ainda maior por ver aquela barriga que não parava de mudar de tamanho. Knowles chegou a fazer um teste de gravidez e o resultado foi positivo. No entanto, ao chegar na sétima semana de gravidez, o que era uma grande felicidade, passou a ser o momento mais difícil de sua vida. Lauren começou a ter sangramentos e, preocupada com a saúde do seu suposto bebê, decidiu recorrer à ajuda médica, tentando proteger sua futura criança.

Os médicos então descobriram algo completamente incomum na vida da jovem. Ela não estava Grávida de um bebê comum. Ela estava com a chamada "gravidez molar'. Nessa condição, os cromossomos do espermatozoide do pai é que se juntam com o óvulo da mãe, mas não se cria um bebê conforme conhecemos. Isso fez que o que crescesse dentro da escocesa fosse uma grande massa e isso poderia causar sérios riscos à saúde da jovem Lauren Knowles.

Logo, os médicos informaram para aquela mulher que não era um neném que estava a crescer dentro do seu útero, mas um conjunto de cistos e que eles eram de origem maligna. Isso tudo crescia dentro dela da mesma forma que um bebê normal e qualquer teste de gravidez confirmava que ela tinha um filho na barriga, devido à mudança nas taxas hormonais do seu corpo.

Lauren acabou descobrindo que o seu mal era um grande câncer e para retirar os tecidos malignos ela teve que iniciar um tratamento de quimioterapia. Por meio das redes sociais, a escocesa publicou momentos do seu tratamento, como a fatídica queda de cabelos. Careca e no hospital, ela recebeu muita força dos internautas.

A escocesa enfim conseguiu tirar o câncer do seu corpo e fez uma operação delicada. O tumor já estava do tamanho de uma pêra. Passado o susto, Lauren queria saber se poderia ter um filho. Os médicos recomendaram que ela esperasse algumas semanas para começar a ter relações sexuais.

Algumas semanas depois, sua menstruação parou e a barriga voltou a crescer. Será que era o câncer que tinha voltado? Nada disso, a escocesa, dessa vez, estava grávida de verdade. A emoção veio no ultrassom, quando o coração do neném batia bem rápido. Não demorou muito e a pequena Indi nasceu linda e saudável, como pode ser visto abaixo.