O livro dos recordes, o Guinness World Records, declarou esta semana o novo homem considerado o mais velho do mundo. Trata-se de um japonês chamado Masazo Nonoka, de impressionantes 112 anos e 259 dias. O certificado que o coloca como o Homem mais velho do mundo foi entregue em sua residência, que se localiza da parte Norte da Ilha japonesa de Hokkaido.

Atualmente, a maioria dos idosos sofre muita restrição na alimentação devido aos problemas de saúde, mas o japonês Nonoka vai na contramão dessas restrições e é um verdadeiro apaixonado por doces. Então, como não poderia ser diferente, a chegada do seu certificado foi comemorada com um enorme bolo comemorativo providenciado por seus familiares, que cuidam de uma pousada de fontes termais na ilha há mais de quatro gerações.

Os familiares de Nonoka deram entrevista ao jornal The Independent, da Inglaterra, e afirmaram que a longevidade dele se deve justamente às fontes termais e também a sua paixão por doces, que em nenhum momento vieram a ser prejudiciais para a sua saúde.

Muito tempo

O japonês nasceu pouco depois da virada do século 19 para o século 20, mais especificamente em 1905. Para se ter uma ideia, isso foi um pouco antes de um dos maiores gênios da humanidade, Albert Einstein, publicar a sua famosa teoria da relatividade. Nonoka foi criado em uma família grande e quando ficou adulto foi o escolhido para cuidar da pousada da família.

O empreendimento foi bem-sucedido com o passar das décadas e hoje está sob os cuidados da neta de Nonoka. Hoje em dia, a rotina do agora homem mais velho do mundo é bem simples.

Basicamente seus dias são preenchidos com jornais e assistir lutas de sumô na televisão, além de passar um tempo com sua família. Ele também não dispensa um bom café para começar o dia.

Nonoka tinha cinco irmãos, mas todos já faleceram, assim como a esposa e seus cinco filhos. Ele não consegue se locomover utilizando as pernas, mas utiliza uma cadeira de rodas que lhe proporciona certa independência.

Longevidade comum no Japão

Antes de Nonoka, o título de homem mais velho do mundo era de um espanhol, Francisco Nuñez Olivera, que morreu há dois meses, quando estava com 113 anos.

O Japão [VIDEO]já vem se notabilizando pela longevidade de sua população, sendo que, segundo dados divulgados pelo governo do país, cerca de 68 mil japoneses completaram um século de vida em 2017, sendo uma das nações com mais pessoas acima dos 65 anos no mundo.