Uma notícia acabou se tornando um verdadeiro viral na internet. [VIDEO] Ela mostra um pastor que teria jogado no chão uma das suas fiéis. O pastor é até identificado como José Raimundo da Silveira. A notícia, divulgada por vários veículos de comunicação, acabou caindo como uma verdadeira bomba. Isso porque ela dizia que a fiel estava passando por um grave problema de coluna. [VIDEO]

O religioso, a fim de curar a enfermidade da mulher, a teria jogado ela no chão. A frequentadora da igreja evangélica teria ficado paraplégica. A situação mexeu com muitas pessoas e surpreendeu o público. Mas será verdade? De acordo com o site 'E-Farsas', a notícia não passa de mais uma daquelas que são fabricadas para gerarem cliques na internet.

Notícia de pastor que teria deixado fiel paraplégica ao tentar 'curar coluna' não é verdadeira

A notícia começou a ganhar força ainda no começo do mês de abril e, não demorou muito, rapidamente, o assunto tomou conta da mídia. O texto dizia até que o pastor foi indiciado pela polícia, pois a fiel o teria acusado de agressão. O nome da pobre coitada, que teria ficado sem poder mais se mexer, chegou a ser identificado. A moça, que teria vinte e oito anos, foi à igreja (ao invés do médico) para curar uma dor na coluna. No entanto, durante o culto, o pastor a jogou para o alto e ela teria caído no chão, ficando assim tetraplégica. É claro que a notícia era bem infundada, mas mesmo assim o tema ganhou notoriedade nas redes sociais, devido a estranheza do fato.

O site e-farsas fez uma espécie de busca na internet para tentar identificar se fazia sentido essa notícia e muitos fatos foram truncados.

Uma busca pelos nomes dos envolvidos nessa fatalidade e encontramos como resultados apenas sites e blogs que copiaram o mesmo texto. A “reportagem” é vaga, não dando maiores informações a respeito como, por exemplo, o nome da igreja. Ou seja, não passa de mais uma notícia que ganhou notoriedade, justamente, porque não passa de uma mentira.

A caça às bruxas: Facebook vive maior crise e culpa fake news

É por essa e por outras que as redes sociais estão mudando drasticamente. O Facebook, por exemplo, nos últimos tempos, recebeu muitas acusações e está passando pela sua maior crise na história. A rede social de Marck Zuckemberg tenta acabar com as chamadas "Fake news", ainda que na prática isso seja impossível. As ações da empresa despencaram nas últimas semanas e o caminho do Facebook está a atrapalhar outros negócios.