Faltando 15 dias para o início da Copa do Mundo. Um fator preocupante é com os fogos de artifícios que são soltos e assustam os cães nessa época. Os Cachorros têm a audição quatro vezes mais potente do que os humanos e qualquer barulho maior para eles é estrondoso.

Os fogos causam medo, fobia e até mesmo pânico nos cães, tornando-os mais agressivos, tristes, isto é, eles mudam o seu comportamento. No entanto, muitos cachorros fogem apavorados e acabam perdidos, atropelados [VIDEO]. Alguns tentam se livrar da coleira e acabam enforcados, outro têm convulsões e ainda há aqueles que pulam muros, janelas de apartamentos. Com tudo isso é crucial uma atenção maior quando se tem festividades para proteger o animal.

Dicas de como proteger seu cachorro dos fogos de artifícios

- Fique com ele no momento dos fogos.

- Feche persianas, portas, janelas, portões para que ele não fuja.

- Coloque-o dentro de casa em local com muita iluminação.

- Ligue a TV em um som alto ou coloque uma música no rádio.

- Dê a ele uma refeição leve. [VIDEO]

- Faça um abrigo dentro de casa para ele, pode ser uma mesa coberta, uma barraca.

- Dê brinquedos para ele se distrair, de preferência um novo.

- Se conhecer um cão sociável, que não tem medo dos fogos, traga o para perto do seu.

- Utilize brinquedos recheados de comidas.

- Coloque tampões de algodão minutos antes dos fogos e retire em seguida.

- Não deixe o animal acorrentado.

- Não leve o cão para passear e nem fazer necessidades no momento dos fogos.

- Alimente o cachorro uma hora antes de começar os fogos para que ele esteja com sono na hora que começar.

- Nunca leve o cão em eventos que tenha esse tipo de espetáculo.

- Os cachorros pequenos, que ainda não adquiriram medos, devem ser expostos aos sons do cotidiano, como deixa-los na cozinha, em que os barulhos são intensos. Isso os ajudará a não entrar em pânico diante fogos de artifício.

- Progressivamente exponha seu cão a sons agradáveis, relacionados à comida, para que ele venha perder o pânico.

- Procure um treinador.

Os perigos dos fogos para os cachorros

- Com a fuga dos cães, eles podem ser atropelados e causar acidentes.

- Pode ser ferido com rojão.

- Pode morrer preso a coleira ao tenta sair ou ao pular muros e janelas com grande altura.

- Pode haver comprometimento da audição do animal, se o estrondo for muito alto próximo a ele.

- Proteja piscinas para que na fuga ele não venha cair.

- Pode ocorrer traumas e tornar-se um cão agressivo.

- Os cães podem ter ataque cardíaco.