Se você, mulher, gosta de estar sempre na Moda, não pode perder esta nova técnica. Segundo uma coluna do site Metrópoles, a moda agora é andar com o ‘’farol aceso’’. Se não conhece ainda a expressão, trata-se de manter os mamilos salientes por baixo da roupa.

De forma natural, os mamilos ficam nesta posição quando estimulados, seja por temperatura ou por excitação da mulher. Pois bem, agora existe até uma técnica para lhe manter nesta moda.

A surpresa que vem dominando o mundo das celebridades, a de manter os mamilos rígidos para que eles se sobressaltem nas roupas, já ganhou até técnica e produtos para ajudar as mulheres a aderirem a bizarrice, ou a moda, depende do ponto de vista.

O site relata que as clínicas de estética e os cirurgiões plásticos estão, cada vez mais, operando e promovendo tratamentos para manter as mulheres na moda.

Procedimento dura 18 meses e deixa o mamilo 'aceso'

A reconstrução do volume e da arquitetura do mamilo é feita com ácido hialurônico. Depois de realizado o procedimento, o efeito de ‘’farol aceso’’ dura cerca de 18 meses. Entretanto, há riscos e como todo o procedimento estético. É necessário o acompanhamento de profissionais que sejam capacitados a fazer o processo.

O ácido hialurônico também é usado no preenchimento facial e apresenta os mesmos riscos deste procedimento mais conhecido. Caso não seja executada por profissionais habilitados, podem ocorrer necrose na região e embolização.

Mais notícias curiosas

Faliram? Veja o que cada um dos ex-campeões do BBB fez com o dinheiro do prêmio [VIDEO]

13 itens originais e inusitados à venda que você gastaria seu dinheiro 'feliz' [VIDEO]

Ainda segundo a coluna, que consultou especialistas, não há alteração de cor na região, ou qualquer tipo de sequelas, se for bem feito.

A sensibilidade da região também se mantém a mesma.

Kendall Jenner foi a precursora da moda

Segundo uma especialista do assunto consultada pelo site Metrópoles, a dermatologista Natasha Crepaldi, a precursora da moda foi a modelo internacional Kendall Jenner, que já usa os mamilos salientes há algum tempo. No Brasil, as jovens que gostam de causar são o público mais frequente da nova moda.

A profissional também atribuiu a moda à quebra de tabus e ao empoderamento feminino, mas também alerta que a moda não pode ser para todas. Principalmente as gestantes, as mamães que estão amamentando e pessoas que já mostraram reações adversas ao ácido. Também a técnica é proibida para pessoas que já tiveram infecções no local.

E aí, aderiria a moda?