Você coloca sua música favorita para tocar, senta-se no local mais confortável da casa e se maravilha com o delicioso líquido recém-preparado em sua xícara. Se identificou? Para muitas pessoas, tomar café é mais do que um simples hábito: é um ritual. Esteja você em uma livraria, em um restaurante, ou antes do cinema ou de um concerto, o café é aquele momento que representa um bom papo entre amigos, ou o simples prazer de apreciar as notas de degustação da bebida em seu paladar.

Pensando nisso, a ABIC (Associação Brasileira da Indústria de Café) criou em 2004 o Programa de Qualidade de Café [VIDEO], idealizado para ajudar os consumidores a encontrarem seus cafés favoritos entras as muitas opções disponíveis no mercado, além de incentivar os produtores a trabalharem com cafés da mais alta qualidade.

Funciona assim: através de rigorosos testes de laboratório e degustação realizado por profissionais extremamente qualificados, a ABIC concede uma nota a cada um dos cafés testados, chamada de nota de Qualidade Global (QG). Os cafés analisados são então dividos em quatro categorias, e classificados com uma certificação exclusiva da ABIC atestando que os produtos atingiram a nota mínima de 4,5 de QG, garantindo que todo café que chega ao consumidor com o selo da ABIC é de confiança e qualidade.

Os cafés são dividos em quatro certificações: Tradicional, Extraforte [VIDEO], Superior [VIDEO] e Gourmet. Estes últimos representam os cafés com nota mais elevada, que varia entre 7,3 a 10, a mais alta concedida pela ABIC após a realização de seus testes. Desta forta, quem adquire cafés com a certificação Gourmet pode ter a tranquilidade de que o produto será do mais elevado nível, tendo utilizado somente grãos de café perfeitos para a produção da bebida, além de garantir uma torra do grão de acordo com mais altos padrões de exigência dos consumidores finais.

Em uma comparação com vinhos, os cafés Gourmet seriam comparáveis aos vinhos mais finos existentes, como os grand cru, representando uma categoria mais rara e exclusiva, de padrão superior. Desta forma, os cafés que recebem esta certificação são considerados excelentes, exclusivos e da mais alta qualidade disponível no mercado nacional e internacional.

Encontrando e apreciando seu café Gourmet

Mas como posso saber se o café que estou consumindo ou adquirindo é Gourmet? A resposta é simples: basta procurar pelo selo da ABIC na embalagem do café. Caso você não encontre esta certificação, você também pode utilizar o seu próprio celular para escanear o código de barras do produto e encontrar todas as informações sobre ele através do aplicativo De Olho no Café, lançado pela ABIC em 2017. Além disso, você também poderá verificar opiniões de outros consumidores sobre aquela marca, além de deixar suas próprias sugestões e críticas sobre determinado café.

Posteriormente, os comentários e classificações dos consumidores são enviados para os fabricantes, que levam estas críticas e opiniões em conta para melhorar cada vez mais o café produzido e vendido em nosso país.

Desta forma, a ABIC ajuda com que o café que chega até você no momento de relaxar escutando uma boa música, vendo um filme premiado ou lendo um livro clássico seja o de melhor qualidade e pertencente ao mais alto padrão de cafés existentes no país.

Se você quer saber mais sobre como funciona o processo de certificação dos cafés brasileiros, além de outras curiosidades sobre como o café que você degusta diariamente é auditado e classificado, basta acessar o site oficial da ABIC.

Se preferir, faça o download do aplicativo de Olho no Café na App Store ou no Google Play. Assim, você aprende mais sobre como os cafés nacionais são produzidos, classificados e comercializados, garantindo sempre o mais alto padrão para você: o amante de café que reconhece o valor desta incrível bebida energética. E, na hora de comprar seu café, não se esqueça: café de qualidade é café certificado pela ABIC. Boa semana e um ótimo café para você!