5 momentos tristes para os X-Men

Os X-Men já viveram diversas tragédias nas páginas da Marvel e algumas marcaram a equipe para sempre.

1

Fanático perde o melhor amigo

Durante um tempo, o Fanático foi um membro dos X-Men. Na equipe, ele conheceu Squidboy, com quem fez amizade. A tragédia se deu quando Fanático estava infiltrado na irmandade de Mutantes e foi descoberto pelo jovem mutante, que morreu enquanto tentava fugir do local. Com a ideia errada na cabeça, as últimas palavras de Squidboy foram para dizer o quanto ele odiava o gigantesco.

2

O vírus legado

O terrível vírus legado foi o responsável por matar alguns dos personagens mais queridos dos X-Men. A enfermidade só afetava os mutantes e só teve seu fim graças ao sacrifício de Colossus.

3

Colossus estava vivo

Algum tempo após o sacrifício de Pyotr para livrar a raça mutante do vírus legado, Kitty Pryde acabou encontrando o grandalhão ainda vivo dentro de um complexo escondido. Acontece que ele nunca morreu e ficou aprisionado enquanto seu sangue era coletado para gerar a cura do vírus.

4

O ato de registro dos mutantes

Criado por Robert Kelly nos quadrinhos, o ato tinha o intuito de controlar o crescimento da população mutante para a segurança dos mesmos e da população. Porém, uma versão futura de Kitty Pryde que volta ao passado revela que o Ato de Registro dos Mutantes se tornou O Ato de Controle de mutantes, o que levou muitos da raça para campos de concentração.

5

Ciclope mata o Professor Xavier

Durante o arco dos Vingadores contra os X-Men, a Força Fênix é partida em 5 fragmentos e, mais tarde, todos eles são absorvidos pelo Ciclope. Com o poder e sob a influência da Fênix Negra, Scott mata Charles Xavier no momento em que o telepata tentava negociar pacificamente com seu primeiro aluno.

Clique para ler mais e assistir ao vídeo
Ou então