9 moedas e cédulas raras de Real que podem valer até 400 vezes mais

Video Avalie este título

Moedas e cédulas raras podem ser negociadas com valores muito maiores que o de face, dependendo do estado de conservação.

1

Deus seja louvado - R$ 50 pode valor R$ 4 mil

No ano de 1994, um lote dessas notas de 50 reais, aparentemente normal, foi inserido para circular na mão dos brasileiros. O que torna essas cédulas de Real antigas valiosas é a frase “Deus seja louvado”, ou melhor, a ausência dela. Isso porque os dizeres, usados em nosso dinheiro desde 1986, foi esquecido. Na época, o ministro da Fazenda era Rubens Ricupero, que logo resgatou a tal frase nas notas.

2

Assinatura de Pérsio Arida - R$ 50, pode valer R$ 3 mil

Esta é a segunda cédula de R$ 50 mais valiosa. São as notas de 50 reais assinadas por Pérsio Arida, presidente do Banco Central (BC), em 1995. Como ele só esteve na liderança do BC entre janeiro e junho deste ano, as notas com sua firma registrada se valorizaram, até porque só 400 mil delas foram distribuídas no País.

3

Fora de série R$ 5 ou R$ 10, pode valer R$ 2 mil

O que tornam essas cédulas de Real antigas tão valiosas? O fato de se tratarem de notas de reposição. Isso porque, até meados da década de 1990, a Casa da Moeda tirava de circulação notas que saíam com defeitos. As notas de reposição, então, tinham um asterisco gravado logo à frente de seus números de série. Nos casos dessas notas de 10 reais e de 5 reais, por exemplo, somente 400 mil delas foram parar nas mãos dos brasileiros, mais exatamente no ano de 1994.

4

Real francês - R$ 50, pode valer R$ 1,5 mil

As notas foram produzidas em 1994 e na França. Ao todo, foram cerca de 4 milhões de cédulas de cada valor em um país europeu, sendo que da Alemanha vieram as de 5 reais; da Inglaterra, a de 10 reais; e da França, as de 50 reais. O detalhe delas que vale uma fortuna é a letra “B”, impressa no final do número de série de cada uma delas, além de uma identificação bastante discreta do fabricante, no verso das notas.

5

Número de série censurado - R$ 50, pode valer R$ 500

Em 2003, quando saíram as cédulas de R$ 50, o controle de qualidade da Casa da Moeda acabou deixando que algumas notas, com número de série censurado, caíssem no mercado. Com a mesma falha também circularam notas de R$ 10 de plástico.

6

Reverso Invertido R$ 0,10, pode valer R$ 10

São moedas que têm o verso cunhado ao contrário. Isto é uma falha e por ser rara, pode colocar as moedas com valor até 100x superior ao valor de face.

7

Declaração Universal dos Direitos Humanos, R$1 pode valor até R$100

A moeda de 1998 teve apenas 600 mil exemplares a venda e por isto é rara. Chegou a ser vendida por R$ 40, mas em uma busca rápida em sites de venda por leilão, já se pode achá-la por mais de R$ 100.

8

FAO, R$ 0,10 e R$ 0,25; pode ser vendida a R$ 25

Outra moeda comemorativa que teve poucos exemplares cunhados. Em 1995, 1 milhão de moedas com essa ilustração em homenagem à FAO, Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura, foram colocadas em circulação. Apesar de parecer um grande número, a quantidade de moedas normais que saíram nesse ano foi bem superior, cerca de 239 milhões, o que já tornam essas moedas raras.

9

Entrega da bandeira - R$ 1, pode ser vendida a R$ 100

Outra moeda comemorativa, cunhada em 2012 e por conta da raridade, pode valor até 100 vezes o valor de face.

Clique para ler mais e assistir ao vídeo
Ou então