A votação de cada presidente eleito desde as eleições de 1989

Video Avalie este título

Desde 1989, quatro presidentes diferentes foram eleitos pelo voto popular.

1

1989 - Fernando Collor de Mello

Na primeira eleição direta no Brasil após o período militar, duas figuras praticamente desconhecidas em meio a caciques da velha política chegaram ao segundo turno, vencido por Fernando Collor de Mello, que teve alcançou 53,03% de votos válidos.

2

1994 - Fernando Henrique Cardoso

Embalado pela popularidade por conta da implantação do Plano Real, quando era o então Ministro da Fazenda, Fernando Henrique Cardoso foi eleito ainda no primeiro turno com 54,3% dos votos válidos. Lula ficou em segundo lugar 27%. Enéas Carneiro obteve 7,4%, ficando à frente de nomes de peso e dos ex-governadores Leonel Brizola e Orestes Quércia.

3

1998 - Fernando Henrique Cardoso - Reeleito

Fernando Henrique Cardoso se tornou o primeiro presidente brasileiro reeleito em 1998. FHC teve praticamente o mesmo desempenho de quatro anos antes, vencendo novamente em primeiro turno, com 53,06%. Lula ficou com 31,7%.

4

2002 - Luiz Inácio Lula da Silva

Depois de três tentativas frustradas, finalmente Lula conseguiu se eleger em 2002 ao derrotar o candidato tucano José Serra no segundo turno. O petista teve 61,27%, contra 38,73% do tucano.

5

2006 - Luiz Inácio Lula da Silva - Reeleito

Mesmo com toda sua popularidade, Lula só conseguiu se reeleger no segundo turno em 2006. Apesar de ter tido mais votos, o percentual de votos válidos no então presidente foi menor. Ele teve 60,83% contra 39,17% de Geraldo Alckmin.

6

2010 - Dilma Rousseff

Em 2010, Dilma Rousseff se tornou mulher presidente ao derrotar José Serra no segundo turno. Ele teve 56,05% contra 43,95% do tucano.

7

2014 - Dilma Rousseff

Em 2014, Dilma foi reeleita na eleição mais apertada da história. Tendo agora como adversário Aécio Neves, neto de Tancredo Neves, com 51,64% contra 48,36%. Foi a primeira vez que um candidato derrotado ultrapassou a barreira dos 50 milhões de votos.

Clique para ler mais e assistir ao vídeo
Ou então