5 maneiras de lidar com pessoas de difícil convivência

Pessoas difíceis geralmente existem em todos os lugares, e algumas dicas podem ajudar nesse sentido.

1

Perceba que as suas necessidades são importantes

Muitas pessoas aceitam certas atitudes, pois consideram inevitáveis diante de um convívio social. Porém, o indivíduo deve-se atentar a uma necessidade primordial: seu tempo e sua vida são importantes. Pessoas difíceis estão em todos os lugares, mas não existe uma obrigatoriedade em aceitar esse tipo comportamento, procure cercar-se de pessoas que te fazem bem.

2

Seja firme e gentil

Procure ser firme e coerente em suas atitudes, mas evite destratá-la em algum momento, ou ainda ser rude. Em muitos casos, a amizade, companhia ou até mesmo uma relação, não lhe agrada mais e o indivíduo ainda não entendeu. Quando aquilo se tornar um incômodo, tenha uma conversa clara e objetiva, deseje o melhor e se distancie.

3

Ter expectativas realistas

Não temos a possiblidade de mudar o temperamento de pessoas difíceis. Se você já sabe que a pessoa é assim, não crie falsas esperanças.

4

Evite o confronto

Existem pessoas que preferem confrontar esse tipo de comportamento, porém, na maioria das situações, o melhor a fazer é se afastar. Pessoas difíceis geralmente têm a tendência de serem tóxicas. Um exemplo clássico é a relação com ex-marido que não terminou bem. Ele te liga para falar de um assunto e quando nota-se ele já esta falando de outro que nem é de sua propriedade, e, na maioria das vezes, deve-se evitar esse tipo de contato pelo bem da própria saúde mental.

5

Lembre-se de que você está no comando

Sempre que algo não lhe agradar, procure impor limites, não importa a quem seja. Muitas vezes as pessoas escutam: “isso foi só uma brincadeira”, ou são ridicularizadas em público, e temem em se defender. Ninguém é obrigado a aceitar sentimentos e coisas ofensivas, procure ser gentil e informe que não gostou de tal atitude, para evitar que ocorra novamente.

Clique para ler mais e assistir ao vídeo
Ou então