Greys Anatomy: 5 casais que impactaram a série americana

Entenda mais sobre os 5 casais que mais marcaram Grey's Anatomy
Entenda mais sobre os 5 casais que mais marcaram Grey's Anatomy

Grey's Anatomy é uma das séries americanas de maior sucesso e traz amor, dificuldades pessoais e muita coisa sobre medicina.

Grey's Anatomy é uma das séries de maior sucesso dos Estados Unidos. Atualmente, ela já está em sua 15ª temporada e está prevista para ir até a 16ª. A série é protagonizada por Ellen Pompeo, que interpreta Meredith Grey, inicialmente interna do fictício hospital cirúrgico Seattle Grace (mais tarde Hospital Memorial Grey-Sloan), em Seattle, Washington, um dos programas de residência em cirurgia médica mais duros do país.

Umas das questões que fazem dessa série uma das mais impactantes é que alguns dos principais personagens acabaram morrendo de forma trágica. Outro fator são os casais apaixonados que se formaram ao longo das temporadas. Veja alguns deles:

1

Callie e Arizona

O casal lésbico formado por Callie Torre (ortopedista) e Arizona (pediatra) caiu realmente no gosto do público. As duas têm um público enorme de fãs na série e se tornaram um dos casais mais queridos. No entanto, após Arizona sofrer um acidente, Callie foi obrigada a amputar a perna da amada e isso, juntamente com o trauma emocional do acidente aéreo, fez com que o relacionamento entre as duas chegasse ao fim, mesmo depois delas terem tentado se acertar através de terapia.

2

Burke e Cristina

O relacionamento intenso entre o renomado cirurgião cardíaco Preston Burke e a residente do programa de medicina Cristina Yang foi um dos primeiros em Grey's Anatomy e atraiu milhares de fãs. No entanto, o relacionamento que teria tudo para dar certo chegou ao fim após Burke abandonar Cistina no altar. Informações revelaram que o cirurgião cardíaco foi demitido da série e a escritora decidiu dar esse fim triste ao casal.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo