O ano de 2018 foi acompanhado por acontecimentos marcantes em todo o mundo: escândalos, eleições, rebeliões etc. Tudo envolto a reviravoltas, bem como deve acontecer no próximo ano. No entanto, deixando o mundo de lado, e visando um pouco mais nas previsões, o que reservará este ano de 2019, segundo o milenar horóscopo chinês?

Seguindo o famoso calendário oriental, que diferente do ocidental, o ano se inicia em 5 de fevereiro e se encerra em 24 de janeiro de 2020. Além disso, possui outra característica especial, sendo regido sempre por um animal e por um dos elementos da natureza.

Não se levando em conta apenas os astros.

Ano regido pelo Porco

Essa ciência milenar nos traz que o tempo será de resiliência. Nesse caso, será necessário força de vontade para conquistar os objetivos. Sendo o próximo ano de ação e reflexão para o auto desenvolvimento, um pleno desprendimento em relação a tudo o que diminui a autoestima.

O guia da vez será o Porco. É necessário perder a noção representativa deste animal em nossa cultura, que acaba sendo diferente da chinesa. Nela, ele é sinal de inteligência e atenção aos arredores.

Além disso, o ano regido pelo Porco, possui uma tendência a conciliações familiares e laços afetivos.

Esperanças para o próximo ano

Em relação ao elemento natural Terra, que apresenta-se como ente representativo da intuição e racionalidade. Sua solidez corrobora para a estabilidade e segurança, em especial no que diz respeito à vida financeira.

Sendo assim, podemos notar que teremos um ano de virada, não apenas com a sorte ao lado em relação ao desejado emprego, mas como também, a aprovação em vestibulares e concursos.

Com o fim do ano do cão, e início do ano do porco, marca-se o fim do ciclo em relação aos 12 signos do zodíaco chinês. Como tal, uma espécie de retrospectiva se faz necessária, sendo preciso refletir sobre os anos anteriores e repensar no que pode ser refeito, para não cair nos mesmos erros.

Aproveitando assim, a leveza do fim de um ciclo, para deixar para trás todas as frustrações e arrependimentos que assolaram.

Tendo em vista a tendência das cores vermelhas, pode ser levada em consideração ela ao invés do tradicional branco, nessa passagem de 2018 para 2019, considerando-se uma sorte extra. O vermelho representa o elemento fogo, e nos momentos festivos representa também a sorte!

Além disso, joias são uma boa escolha, a exceção fica por conta de carteiras de cor vermelha, pois remetem a ideia da queima do dinheiro.

Não perca a nossa página no Facebook!