A Uber está preparando mais uma novidade para o mercado brasileiro: lançar seu serviço delivery de comida por aqui, o UberEATS. Ainda não há uma data definida, mas a empresa está montando uma equipe especifica para isso no Brasil. Ela entraria para competir diretamente com outros Aplicativos e serviços que já atuam em solo nacional, como o iFood e Restaurante Web.

Segundo o site Exame.com, a vinda deste novo serviço ao Brasil faz parte de uma estratégia de expansão da empresa focada na América Latina.

O Brasil ocupa o terceiro lugar em números de negócios para empresa, ficando atrás apenas dos Estados Unidos e da Índia. As cidades com maior movimento para o Uber estão na América Latina, com a Cidade do México em primeiro lugar e São Paulo em segundo.

Uber na América Latina

O serviço ainda não está disponível na América Latina, de acordo com o Uber. No entanto o aplicativo mostra Bogotá entre as cidades disponíveis. Provavelmente a cidade será a primeira capital latino-americana a ter o UberEATS.

A capital colombiana seria como um laboratório da empresa para os produtos que serão implantados nos demais países latinos. A sede em Bogotá controla a maioria das operações na América Latina e testa s maioria dos produtos da empresa que serão oferecidas às outras cidades.

Um serviço exclusivo na Colômbia é o Uber Angel, onde não se chama um carro e sim um motorista que irá conduzir o carro do cliente que solicita essa opção no aplicativo. A maior parte dos anjos-motoristas são jovens universitários que estão dispostos a prestar esse serviço nos finais de semana, no período da noite, para garantir uma renda extra.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Tecnologia

Depois de realizar a corrida, um motorista do Uber apanha o “anjo” e o leva para casa ou para a próxima corrida.

Essa é uma das principais características empresa: oferecer serviços exclusivos que atendem as necessidades da comunidade local. Cada país que o usuário visitar e solicitar os serviços terá tarifas, ofertas e opções diferenciadas das demais localidades.

No Brasil o aplicativo já pode ser baixado tanto na AppleStore quanto na PlayStore, contudo, quando o usuário solicita o serviço, recebe uma mensagem de que não é possível fazer o pedido.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo