Após várias especulações sobre o calendário de pagamento do abono salarial PIS-Pasep, o Ministério do Trabalho, em parceria com a Caixa Econômica Federal, divulgou, nessa segunda-feira (3) o calendário oficial de pagamento do benefício no Diário Oficial da União (DOU). Assim como em todos os outros anos, os beneficiários nascidos entre julho e dezembro receberão o famoso décimo quarto salário ainda este ano.

Os demais poderão sacar o abono no primeiro semestre de 2018.

O pagamento do benefício estará disponível para o trabalhador até dia 29 de junho de 2018. Após essa data, o valor fica retido e não é possível realizar o saque.

De acordo com a tabela divulgada, os aniversariantes de julho poderão sacar o abono a partir do dia 27 deste mês. Já para os trabalhadores que sopram as velinhas em agosto, o benefício estará disponível a partir do dia 17 do mesmo mês.

Quem comemora o aniversário em setembro pode realizar o saque a partir do dia 14 de setembro. Já os nascidos em outubro terão acesso ao décimo quarto salário no dia 19.

Os trabalhadores que nasceram em novembro podem sacar o abono a partir do dia 17 e, para os de dezembro, a quantia estará disponível para saque no dia 14. Em 2018 a forma de pagamento muda e o benefício é disponibilizado para os trabalhadores entre os três primeiros meses do ano.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Governo

Funciona da seguinte forma: quem nasceu em janeiro ou fevereiro, podem sacar o benefício no dia 18 de janeiro. Para os aniversariantes de março e abril, o dinheiro estará na conta dia 22 de fevereiro. Para quem sopra as velinhas nos meses de maio e junho, o abono estará disponível no dia 15 de março.

O valor do PIS varia de R$ 78 a R$ 937 e é estipulado de acordo com a quantidade de meses que a pessoa exerceu atividade remunerada com registro em carteira.

Para ter direito ao benefício, o cidadão deve ter trabalhado no mínimo cinco anos com carteira assinada e ter exercido atividade registrada por pelo menos trinta dias em 2016. Além disso, é necessário que o trabalhador tenha inscrição no PIS/Pasep durante todo esse período.

Saque

Para conseguir retirar o abono, o trabalhador deve comparecer a uma agência da Caixa Econômica Federal na data estipulada pelo calendário com um documento pessoal com foto e o número do PIS.

Para quem é correntista do banco, o benefício é depositado diretamente na conta. Já aqueles que não possuem conta na Caixa, mas têm Cartão Cidadão, basta comparecer a uma agência do banco e sacar o abono em um caixa eletrônico.

Este ano, cerca de 24,12 milhões de trabalhadores poderão ter acesso ao benefício. Cerca de R$ 16,5 milhões foram destinados para o pagamento do abono entre 2017/2018.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo