A maioria dos brasileiros ainda sonha com a casa própria, mas, diante da crise econômica, e das novas regras para obter um financiamento, este sonho se torna cada vez mais distante ou quase impossível. Isso porque a Caixa Econômica Federal reduziu o financiamento para a compra de imóveis (novos e usados).

A redução vale para o programa Minha Casa, Minha Vida, programa social do Governo para que pessoas de baixa renda; para o Pró-Cotista com recurso do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço); para o SBPE, disponibiliza recursos da poupança para a compra do imóvel; SFH (Sistema Financeiro de Habitação), entre outros.

Caixa e suas alegações para a mudança do financiamento

  • Em um comunicado, a direção do banco disse ter realizado a redução de 90% para 80% o teto de financiamento do valor do imóvel. Dependendo da linha de financiamento, de 70% de para 60% para se adequar à politica de alocação de imóveis.
  • A instituição financeira diz que as modificações afetarão apenas 10% dos clientes que necessitam do financiamento da casa própria.

Confira as novas regras da Caixa Econômica Federal para o financiamento de imóveis

  • Para ter direito ao financiamento, você terá que ter 20% do valor total do imóvel que deseja comprar, seja ele novo ou usado.
  • Para quem usará o programa Pró-Cotista FGTS só terá direito ao financiamento de 80% do valor do imóveis novos ou usados, de acordo com as novas regras.
  • Para quem deseja comprar a casa própria através do programa habitacional Minha Casa, Minha Vida também só terá direito ao financiamento de 80% do valor do imóvel.
  • Para quem não disponibiliza do FGTS para a compra de sua moradia, ficará ainda mais complicado, pois com as novas regras somente será possível financiar 80% para a compra de imóveis novos e apenas 60% para a compra de imóveis usados.
  • As alterações de valores valem para a SAC (Sistema de Amortização Constante), a mais utilizada, cujo modelo torna os valores das parcelas menores.
  • Para a tabela Price, cujas parcelas são constantes, a redução vale somente para algumas modalidades de financiamento.

Diante das novas regras, será necessário avaliar se a melhor opção é pagar alugue, já que houve uma pequena redução dos juros, ou se arriscar e ter a sua casa própria. Antes de tomar uma decisão, pense bem, para que não se arrependa depois.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Governo

Os servidores públicos que desejam financiar um imóvel têm regras diferentes.

O que você achou das novas regras? Gostou do artigo? Compartilhe com os amigos.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo