Você sabia que poder um dinheirinho lhe esperando para ser resgatado? Anualmente, o Governo libera o dinheiro referente ao PIS, e, nesta quinta-feira (27), foi divulgado o calendário do PIS/Pasep 2017.

O presidente Michel Temer divulgou o calendário e os saques serão permitidos a partir do dia 19 de outubro. Acredita-se que serão injetados na economia brasileira cerca de R$15,9 bilhões que estão disponíveis para saque para 7,8 milhões de brasileiros que têm o direito ao benefício.

Quem são os beneficiários do PIS/Pasep?

Mulheres com 62 anos ou mais e homens com 65 anos ou mais têm o direito de sacar o benefício, caso tenham saldo no PIS/Pasep.

No caso de brasileiros falecidos, seus herdeiros têm o direito ao saque. No ano de 2016, em média, o saldo por beneficiário do PIS/Pasep foi de R$1.187 . Porém, em sua grande maioria, o saldo resgatado foi menor que R$750.

Quem terá direito ao resgate do PIS/Pasep?

Os beneficiários que fazem jus ao resgate do Pasep nesse caso são os brasileiros que trabalharam em organizações públicas ou privadas e contribuíram para o PIS ou Pasep até o dia 4 de outubro de 1988. Quem passou a contribuir após essa data não tem saldo para resgatar.

Veja o calendário:

No caso dos contribuintes que têm direito ao resgate do PIS e têm seu saldo vinculado à iniciativa privada, seu saldo deve ser consultado na Caixa Econômica Federal. O beneficiário poderá fazer a consulta através do site da Caixa Econômica Federal.

No caso do beneficiário que tem conta corrente na CEF, será feito o depósito automaticamente dois dias antes da data inicial do calendário. Já os demais que não têm conta no banco, será feita uma transferência sem custo algum, desde que o beneficiário solicite a transferência.

Onde o trabalhador pode consultar

Para que o trabalhador possa consultar se tem saldo no PIS, se faz necessário o número do NIS que o trabalhador pode encontrar no campo de anotações gerais da antiga carteira de trabalho, na página de identificação da sua nova Carteira de Trabalho, no Cartão Cidadão, ou no extrato impresso do (FGTS) Fundo de Garantia por tempo de Serviço.

O trabalhador precisará de uma senha. No caso de quem possui Cartão Cidadão, fará a consulta através da área de acesso aos dados do PIS/Pasep, no site da Caixa Econômica Federal.

Ao entrar no site, informe a sua senha. Caso não a possua, clique em ‘’Esqueci minha senha’’ e siga os procedimentos informados no site. Assista ao vídeo explicativo:

Siga a página Governo
Seguir
Siga a página Michel Temer
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!