Não é de hoje que, por conta da crise econômica que se instalou no país, o Governo vem criando programas que garantam a ascensão de moeda para o público mais pobre do estado nação, sempre buscando possíveis parcerias com órgãos locais e, até mesmo, estaduais.

Dentro dos muitos programas já realizados, como a liberação do valor do PIS/PASEP para servidores públicos e empregados da iniciativa privada e a liberação de valores arrecadados em contas de FGTS inativas, o poder executivo está tentando mudar toda a situação difícil que o país ainda passa.

Assim, garantem maior liquidez ao mercado econômico e movimentam a economia que está pra lá de baixa.

Para ajudar com toda a situação, além de todos os programas que já foram lançados, mais um produto fundo pelo governo (Governo do Estado de São Paulo) foi liberado em parceria com o governo federa e as secretarias de veículos para, principalmente, fomentar mais a situação do país. Afinal, São Paulo é o polo mercantil e o coração da economia. A novidade é a isenção de IPVA para algumas classes de cidadãos.

A isenção ocorrerá, entretanto, apenas para um grupo específico: os veículos que são utilizados para locomoção de pessoas com deficiência, seja ela física, mental severa ou profunda, autistas e, é caro, deficientes motores. Além disso, a grande novidade fica também para os portadores diretos, assim, todo e qualquer cidadão que possua alguma deficiente comprovada, será beneficiário da isenção, assim assinou o governador Geraldo Alckmin.

Algumas regras

Além de estar enquadrado dentro das pessoas com deficiência, o indivíduo ainda terá que cumprir algumas regras, como: o benefício se estender para apenas um veículo do cidadão, além de ter um limite para isenção (não divulgado); o veículo deve ser registrado em nome de algum beneficiário que possua o direito, seja ele capaz ou incapaz.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Governo

No último caso, fica a cargo do tutor ou responsável legal cuidar de todos os bens e zelar pela aderência ao programa de benefício.

Os pedidos devem acontecer em até 30 dias após a compra e emissão de nova fiscal de um veículo destinado ao transporte de pessoas com deficiência. Para que os veículos consigam isenção nas taxas pré-definidas para 2018, a proposta deverá ser feita até dia 31/12 deste ano em uma secretaria de veículo.

Para outras informações, basta o beneficiário entrar no site da Secretaria da Fazendo do estado de São Paulo e conseguirá maiores informações na aba de controle fiscal de veículos.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo