Anúncio
Anúncio

A Black Friday foi originalmente criada nos Estados Unidos e é a 'abertura' das compras natalinas, onde as lojas oferecem grandes descontos nos seus produtos. A ideia se espalhou por vários outros países do mundo, incluindo o Brasil, onde já é esperada ansiosamente. Algumas pessoas aguardam essa data do ano para realizarem suas compras.

Neste ano a Black Friday acontecerá no dia 24 de novembro e trará oportunidades para os consumidores comprarem seus produtos desejos com o preço mais em conta.

No site Black Friday oficial, podemos ver algumas lojas que já confirmaram a participação. Algumas estão demonstradas abaixo:

Americanas.com

Azul

Walmart.com

Nike

Samsung

Submarino

Marisa

Shoptime

Unilever

Costa

Kaspersky

Positivo

Marabraz

Vaio

O site demonstra algumas das grandes lojas nacionais e internacionais, mas sabemos que essa onda incorpora diversos mercados, incluindo lojas menores de bairros e sites menos populares.

Anúncio

Ou seja, a variedade de produtos é imensa e não tem nenhum tipo de restrição.

De acordo com uma pesquisa realizada sobre os produtos vendidos na Black Friday de 2016, os que tiveram maior desconto nos preços foram os seguintes: top e camiseta, ferragem, saia esportiva, bracelete, meia infantil, meia esportiva, máquina de sorvete, corretivo facial, pen drive, entre outros.

Em relação aos produtos eletrônicos e eletrodomésticos, os mais procurados são como smartphones, televisores, geladeiras, lavadoras de roupa e console de videogames, o desconto foi de aproximadamente 9%.

Com data aproximada no Natal, um dos períodos que aquece a economia, é uma boa oportunidade para se adiantar a compra dos presentes e até mesmo dos artigos de louça ou decoração utilizados para a ceia de natal e ano novo.

Anúncio
Os melhores vídeos do dia

É importante ressaltar que algumas empresas se aproveitam dessa data para oferecerem descontos fictícios, ou seja, aumentam os valores originais e demonstram um desconto que não existe, por isso é importante que os consumidores realizem pesquisas algum tempo antes da Black Friday para compararem se a redução do preço é real ou não.

Algo que também pode ajudar os consumidores a não caírem em golpes desse tipo, é realizar pesquisas sobre o assunto na internet e verificarem os nomes de lojas e sites que já praticaram esse tipo de fraude. Os descontos são sempre bem vindos, mas os que de fato são verdadeiros, afinal o objetivo é obter os itens desejos economizando mais.