Quem não gostaria de ter, ao final da aposentadoria, a polpuda soma de 1 milhão de reais em sua conta? Isto é mais do que suficiente para trazer a paz que o dinheiro pode proporcionar. A projeção é feita por especialistas renomados e baseada em investimentos contínuos e programados ao longo da vida. Com a retomada do crescimento econômico, a confiança dos investidores também é maior. A média de vida no Brasil está aumentada. Isto quer dizer que as chances são boas para quem já tem ou pode conseguir um ganho mensal do qual tenha condição de separar um fatia e trabalhá-la com paciência e inteligência, visando esse fim.

Por onde começar

Então, a estratégia é começar agora, o quanto antes. Quanto maior a idade, maiores precisam ser os valores aplicados para que o tempo hábil até completar o milhão seja suficiente. Escolha a instituição financeira que dê possibilidade a você de fazer resgates ocasionais sem que isto comprometa muito a sua rentabilidade ou que não haja impostos incidindo sobre esses resgates.

O mercado de investimentos está cada vez mais competitivo. As instituições financeiras estão se tornando confiáveis e quanto maior for o período em que o seu dinheiro permanecer aplicado maiores serão o juros acumulados (previdência privada).

Caso opte por um investimento de baixo risco, através do governo, tente o LFT (Letras Financeiras do Tesouro), títulos de rentabilidade que tem como referência a taxa Selic. Adquira-os pela Internet através do programa de Tesouro Direto.

Pesquise, seu dinheiro vale o esforço

Uma dica é ficar ligado na incidência de impostos sobre os seus investimentos e encontrar a instituição que prove a melhor rentabilidade (LCI – Letra de Crédito Imobiliário).

Se você possui boa credibilidade e um relacionamento amigável em algum banco, tente o CDB (Crédito de Depósito Bancário) A rentabilidade é pós-fixada e o FGC (Fundo Garantidor de Crédito) protege os bancos.

Em cima disso você precisa fazer dinheiro com o seu dinheiro; ou seja, aplicá-lo em negócios. Deixá-lo apenas rendendo, especialmente se você já não for tão jovem não fará com que ele se transforme em 1 milhão somente pela força dos juros; a não ser que sejam altos os aportes mensais.

Mas isto não está ao alcance da maioria de nós.

Outras dicas não menos importantes

Logicamente alcançar a independência financeira é aceitável e válido. Ser econômico. Controlar cada gasto, anotando tudo em uma planilha ou caderno vai fazer a diferença para quem deseja alcançar qualquer objetivo financeiro.

Este procedimento é a melhor garantia de um futuro próspero e seguro, pois investimos em nós mesmos. Não há crise econômica que resista ao auto crescimento. Logicamente alcançar a independência financeira é aceitável e válido.

Dedicação é tudo

Para nos dedicarmos ao máximo àquilo que escolhemos como profissão, se quisermos ser bem sucedidos é preciso, em primeiro lugar, estudarmos com afinco até o ponto da especialização.

Conhecer a fundo o ramo de atividade em que se está envolvido é o primeiro passo para o sucesso verdadeiro. Não ficar satisfeito em conhecer bem aquilo que se faz. Isto é apenas o trivial para quem quer ter não mais do que um meio de vida. É necessário dominar a fundo uma especialidade. Isto exige devoção e estudo ininterrupto, mas as recompensas superam todo o esforço empreendido.

Não perca a nossa página no Facebook!