Depois de resultados do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), Sistema de Seleção Unificada (SISU), Programa Universidade para Todos (Prouni) e Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), é hora de falar de uma nova etapa de preparação. Dessa vez, o Enem 2016.

E essa vale tanto para quem está começando os estudos como também para aqueles que não conquistaram a tão sonhada vaga na universidade este ano.

Agora é o momento de sacudir a poeira e organizar a rotina de atividades. Para montar um cronograma, o conteúdo é primordial, por isso, alguns sites se empenharam em fornecer isso, gratuitamente, a quem interessar.

As ferramentas são variadas. Em algumas o candidato conta com videoaulas, jogos, testes online, planos de estudos, entre outras. Estudar por meio de livros, apostilas e afins é muito bacana, entretanto, alternativas como as citadas também podem agregar.

Plataformas

Ligados no Enem: o interessado encontra cerca de 1200 videoaulas e mais de 300 questões resolvidas. Para se ter uma ideia, 40 mil pessoas já passaram pelas aulas presenciais e 500 mil pela online. A inscrição é feita diretamente no site.

Plantão Enem Drops: as explicações são estruturadas em pílulas de cerca de 2 minutos e ainda é possível realizar download do material.

Blog do Enem: é possível obter apostilas e conteúdos de todos os temas tratados no exame.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Educação Escola

Para ter acesso, basta clicar no menu “Apostila”. Não é necessário realizar cadastro.

Banco de provas de gabaritos/ INEP: uma das táticas dos muitos concurseiros é a realização de exercícios. Para praticar, o estudante tem à disposição as provas desde 1998. Ou seja, começando os estudos agora é possível realizar quase 100% do que foi aplicado nos exames anteriores.

,: nesse ambiente o estudante conta com um conteúdo variado, seja em vídeos ou resolução de questões.

Para reforçar, o aluno pode realizar um teste vocacional, a fim de verificar se a carreira pretendida é a mais adequada.

FGV Ensino Médio: o acesso às atividades é realizado depois que o interessado faz um cadastro. É possível encontrar quase 2 mil questões e aproximadamente 1 mil horas de aula.

Esta informação pode ser importante para alguém que você conhece? Então, compartilhe com o máximo de pessoas. Se conhece outros, comente aí!

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo