Como presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), a ministra Cármen Lúcia optou, neste sábado (4), por manter decisão em segunda instância, proibindo o Ministério da Educação (MEC) de zerar prova do concorrente a uma vaga do programa estudantil do Governo Federal, que desrespeitasse os direitos humanos [VIDEO] no texto da #redação do Exame Nacional do ensino Médio (Enem).

Implantada em 2013, a regra foi contestada pela Escola Sem Partido

Esta regra, empregada no Enem desde de 2013, foi questionada pela Associação Escola Sem Partido, que conseguiu deferimento no Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1), de Brasília.

Com a decisão, Carmém Lúcia nega liminares da Procuradoria-Geral da República (PGR) e a Advocacia-Geral da União (AGU) sobre o assunto. O Instituto Nacional de Ensino e Pesquisas (Inep), responsável pelo Enem, também tentou reverter a sentença.

Candidatos do Enem devem evitar tensão com estudos e relaxar

Os candidatos às provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) nestes dias 5 e 12 de novembro, devem se esforçar para evitar tensão provocada pela preparação com os estudos e procurar relaxar. Para isso, especialistas recomendam dormir pelo menos 8 horas, abandonar por um tempo o celular, televisão e computador. Deve ainda conversar assuntos agradáveis e não deixar que nada desvie o foco desse candidato, que objetiva sucesso nas provas.

Professor ensina a priorizar conteúdos que consolidam conhecimentos

O diretor pedagógico do Cursinho Oficina do Estudante, Célio Tasinafo, ensina que o aluno deve priorizar conteúdos com possibilidades de ampliar ou consolidar os conhecimentos.

Ele alerta, que isso não significa que alguma matéria deve ser completamente ignorada. Segundo Célio, é importante selecionar tópicos dentro de cada objeto que ainda podem ser revistos e melhorados.

Para uma boa redação é preciso exercitar as habilidades com leituras de textos

Sobre a redação, a orientação envolve leituras de jornais e revistas, além de interpretação de textos para treinar que o requerente exercite as suas habilidades.Também é importante construir conteúdo com começo, meio e fim, com o tema proposto. O texto deve ser conciso, defendendo a tese de forma consistente. A conclusão deve retomar a ideia inicial com os principais pontos solucionando o problema da tese.

Inep reorganiza as áreas de conhecimento entre os dois dias de provas

Neste ano, o primeiro domingo reserva aos concorrentes, as provas de Ciências Humanas com 45 questões divididas em geografia, história, filosofia e sociologia; e Linguagens e Códigos e 45 questões de Língua Portuguesa, sendo: Literatura e Língua estrangeira, podendo ser inglês ou espanhol, conforme escolha na inscrição; e a Redação. Para o domingo, 12, serão aplicadas 45 questões de Ciências da Natureza nas áreas de biologia, química e física e 45 testes de matemática. #conteúdo #Direitos Humanos