Foi divulgado nesta quarta-feira,14 de fevereiro, no site oficial do Ministério da Educação e Cultura (MEC) [VIDEO], o resultado do Programa Universidade para Todos (Prouni) 2018, que oferece bolsas de estudo integrais e parciais em universidades particulares para os candidatos aprovados.

Todos os candidatos aprovados deverão, entre os dias 15/02 e 23/02, confirmar todas as informações pessoais passadas previamente na inscrição, diretamente na instituição de ensino particular onde irão estudar, para poderem garantir suas vagas. A falta de algum documento ou comprovante implicará na perda total do direito à bolsa, seja ela integral ou parcial.

O site do Ministério da Educação e Cultura (MEC) acabou tendo um problema técnico, e liberou o botão de acesso aos estudantes [VIDEO] por engano, por volta das 9h27. Isso aconteceu cerca de duas horas e meia antes do previsto, que seria por volta das 11h00.

Ao perceber o problema, o site do Ministério da Educação e Cultura (MEC) voltou a exibir a mensagem padrão "Aguarde o resultado da primeira chamada", até que a instabilidade fosse corrigida, o que levou cerca de uma hora mais ou menos para normalizar.

As vagas estão destinadas aos estudantes aprovados no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) de 2017, e que conseguiram uma média de pontos de 450 ou mais, além de uma nota maior que zero na redação.

Como será a segunda chamada dos candidatos aprovados

No dia 2 de março, o Ministério da Educação e Cultura (MEC) fará uma segunda chamada dos aprovados que não foram divulgados na primeira lista e, se o candidato não estiver na segunda lista, poderá ainda participar da lista de espera no site do Prouni, entre os dias 16 e 19 de março de 2018.

Todas as bolsas integrais serão direcionadas aos candidatos aprovados com renda familiar bruta máxima de um salário mínimo e meio. Já para as bolsas parciais de 50% de desconto no valor da mensalidade, serão beneficiados os estudantes aprovados com renda mensal que seja inferior a três salários mínimos mensais.

O Prouni irá repassar todas as informações de desempenho de cada estudante aprovado para as instituições de ensino que participam do programa. São essas instituições as responsáveis pela análise de quantas vagas estarão disponíveis para convocação de novos candidatos. O resultado com o nome dos aprovados na lista de espera será publicado pelas universidades no próximo dia 20 de março.