3

Você sabia que existem cursos gratuitos de Espanhol, Japonês, Francês e até Mandarim, com certificado, em escolas públicas do Paraná?

A Secretaria de Educação do estado oferece cursos de língua estrangeira moderna aos estudantes, professores e funcionários da rede estadual. Os cursos são: Alemão, Espanhol, Francês, Inglês, Italiano, Japonês, Mandarim, Polonês e Ucraniano. Das vagas disponíveis, 70% são destinadas aos estudantes da rede pública estadual, 10% para professores e funcionários da Secretaria de Estado da Educação e 20% para a comunidade em geral. As aulas são ministradas em dois dias da semana, sendo quatro horas-aula de cinquenta minutos.

Os cursos são ofertados em centenas de escolas, como o Colégio Estadual Marumbi, que oferece o curso de espanhol há mais de dez anos. Para o ano de 2018 ainda restam vagas. As matrículas estão sendo realizadas até que as vagas restantes sejam preenchidas.

A importância de se aprender outra língua

O português não é um dos idiomas [VIDEO] mais utilizados no mundo. Para obter sucesso, um profissional precisa dominar outras línguas, tais como espanhol, inglês, alemão e outros. A fluência em outros idiomas traz oportunidade de crescimento na carreira profissional.

De acordo com reportagem da Revista Galileu, um estudo da Universidade Estadual da Pensilvânia, nos Estados Unidos, sugeriu que a habilidade de falar mais de um idioma, especialmente quando crianças, ajuda a desenvolvermos a capacidade de conciliar várias tarefas ao mesmo tempo.

Isso porque o cérebro passa pelo exercício de revezar entre diferentes estruturas linguísticas.

Depoimentos de alunos

Segundo João Pedro, concluinte do curso de Espanhol, aprender a língua espanhola lhe proporcionou uma sensação de algo muito novo trazendo a noção de que o mundo não se resume somente na língua portuguesa e que existem várias formas de se comunicar.

João diz que utilizou os conhecimentos adquiridos quando participou da Jornada Mundial da Juventude, em 2016 e que conseguiu se comunicar bem usando o idioma espanhol. "No ano de 2019 pretendo ir a esse encontro novamente, que será, por sinal, em um país que fala o Espanhol, na América Central, no Panamá, quando terei mais uma oportunidade de adquirir mais experiência e conhecimento sobre essa língua. Vale a pena aprender o espanhol e saber se comunicar quando não puder usar o português", afirma João Pedro.

Já Maria Clara, aluna do curso de Espanhol, declara que acha interessante os trabalhos do curso, que a professora inova com as brincadeiras e o aprendizado se torna divertido.

Fala da professora

A professora Elaine Cristina afirma que quando começou, o curso era relativamente novo na região e começava a ser implementado nas escolas, o que oferecia maiores oportunidades. Quando indagada sobre a diferença entre lecionar Língua e outro idioma, Elaine diz: a diferença está na abordagem dos conteúdos, nas aulas de língua estrangeira é preciso começar aos poucos, uma vez que a maioria dos alunos nunca tiveram contato com a língua antes.

Essa matéria integra o projeto de extensão universitária do Centro Uninter [VIDEO] em parceria com o Blasting News Brasil.