Professores de Português muitas vezes são colocados à prova no início de suas carreiras: dar aulas de Português para Estrangeiros. Aí surgem dúvidas na cabeça do professor iniciante: será que vai ser fácil? Como ensinar o Português para uma pessoa que não tem o mínimo conhecimento do idioma? Entre outras dúvidas...

Aqui vamos dar algumas dicas sobre qual postura adotar diante dessa situação.

Conhecendo o aluno

Antes de iniciar as aulas, se você for dar aula através de consultoria de idiomas ou escola peça ao seu coordenador um perfil do aluno como, por exemplo, informações sobre a cultura de seu país bem como sua personalidade, pois assim as coisas já começam mais fáceis.

Outro ponto importante a ressaltar é sempre a pontualidade e o seu comprometimento com aluno.

Aulas e metodologia

Após a primeira etapa vamos às aulas. É aconselhável conhecer a língua nativa de seu aluno, por exemplo, se seu aluno for japonês é bom conhecer o idioma. Caso não conheça o idioma do aluno, o inglês é essencial para essa comunicação. Antes de mais nada, procure entender a necessidade de seu aluno, ou seja, o porquê ele precisa do Português se é para o trabalho ou se é apenas para a comunicação em geral.

Existem poucos materiais para aulas de Português para Estrangeiros. Para facilitar o trabalho do professor é possível fazer uma adaptação de materiais que usamos em escolas regulares com nossos alunos brasileiros para a realidade do aluno estrangeiro.

Para facilitar o entendimento de seu aluno procure sempre utilizar a comparação junto com o inglês. Por exemplo diga: "bola is like ball in English". Assim o seu aluno com certeza terá um melhor entendimento do Português.

Outra dica importante é nunca dar uma explicação artificial, pois estrangeiros normalmente não aceitam, sempre tem que haver um porquê.

Procure sempre ter uma base linguística ou até mesmo tente usar o latim para explicar a origem de uma palavra. Sempre prepare-se muito bem para as aulas, pois eles sempre vêm com perguntas desafiadoras.

Com relação a expressões idiomáticas, tente sempre procurar expressões equivalentes em inglês, pois isso facilita muito para eles.

Caso aconteça de ter alguma expressão em Português que não tenha exatamente uma igual em inglês o ideal é que se encontre uma expressão em inglês que seja o mais próxima possível do Português e você como professor exemplificar mais situações com a tal expressão, para assim facilitar mais ainda o entendimento de seu aluno.

Não perca a nossa página no Facebook!