Antonio Ferreira de Morais

Contribuinte

Nascido no final da década de 1960, em plena ditadura militar, este filho de analfabetos, oriundo do sertão baiano, encontrou nos estudos, por incentivo de sua mãe (in memória), o rumo para viver dignamente. Assim, tornou-se professor licenciando-se em Letras Vernáculas pela Universidade de Pernambuco em 1999. O hábito de leitura e a experiência com o conhecimento por meio de várias fontes contribuiu para, pouco a pouco, iniciar alguns registros escritos de suas ideias, revelando suas preferências e sua visão de mundo e satisfazendo seu gosto pela literatura e pelo jornalismo, sonho maior.