A Fifa e a revista France Football anunciaram na última segunda-feira (1), os três finalistas da próxima edição do prêmio Bola de Ouro. Dois nomes eram previsíveis, Cristiano Ronaldo e Lionel Messi, pois disputam o prêmio há anos, mesmo os dois não tendo feito uma boa campanha na Copa do Mundo. Mas a grande novidade entre os finalistas é o goleiro Neuer, do clube Bayern de Munique e da Seleção Alemã de Futebol.

Messi é o homem que mais ganhou Bolas de Ouro, foram quatro vezes consecutivas (2009 a 2012). Em 2012, o jogador marcou 91 gols na temporada. Já Cristiano Ronaldo, ganhou duas vezes (2008 e 2013). Essa é a primeira vez que Neuer disputará o prêmio de melhor jogador do ano e é merecido após sua grande atuação na Copa do Mundo, que contribuiu para a conquista da Copa do Mundo pelo time alemão.

Conheça mais sobre Neuer

O fato do goleiro estar entre os finalistas gerou polêmica entre vários esportistas. Mas a indicação é merecida, pois os finalistas quase sempre são atacantes (e o resto dos jogadores, que são tão bons quanto os atacantes? Ficam esquecidos porque não colocam a bola no fundo da trave?). Talvez a presença de Neuer entre os finalistas abra espaço para que zagueiros e outros jogadores de outras posições comecem a ser indicados.

Neuer é mais que um goleiro, ele é também um líbero. Começou a jogar no time de base do Schallke, onde atuou por 10 anos, até assinar o primeiro contrato de sua carreira em 2005. Ganhou muito destaque por suas defesas na UEFA Champions League 2007-2008 e nas semifinais da Champios League 2010-2011. Joga no Bayern desde 2011 e foi contratado por cinco anos por 18 milhões de euros.

Os melhores vídeos do dia

Outro destaque da carreira do goleiro foi quando completou 1.018 minutos sem sofreu um gol na Bundesliga e superou o marco do goleiro Oliver Khan. Recebeu a Luva de Ouro da Fifa em janeiro de 2014.

A premiação acontecerá no dia 12 de janeiro em Munique e tem como favorito, novamente Cristiano Ronaldo, que apesar de não ter tido tempo de mostrar suas habilidades na Copa do Mundo, devido à eliminação precoce de Portugal, tem dado um show na Liga dos Campeões e no Campeonato Espanhol.