Dia 6 de junho, no estádio de Berlim, Barcelona e Juventus se enfrentam pela final da UEFA Champions League 2014/15, em uma final inédita. O Barcelona, quatro vezes campeão, chega pela oitava vez na final da competição europeia após passar pelo Bayern de Munique na semifinal. A bi-campeã Juventus, que também chega na final pela oitava vez, eliminou o maior vencedor da competição na semifinal, o Real Madrid.

Confira o caminho dos dois finalistas até a grande final:

Barcelona

FASE DE GRUPOS

No Grupo-F, o Barcelona enfrentou Paris Saint-Germain, Ajax e Apoel para se classificar na primeira posição. Com 16 pontos, 5 vitórias e 1 empate, a equipe da catalunha sobrou na fase de grupos, assim como o Paris Saint-Germain, segundo colocado com 2 pontos a menos. A maior vitória do Barcelona na fase de grupos foi contra o Apoel, no Chipre, por 4 a 0.

OITAVAS DE FINAL

O sorteio da UEFA reservou um grande adversário para as oitavas de final, o Manchester City. Apesar de enfrentar um grande adversário, o Barcelona não sofreu para se classificar. Foram duas vitórias, 2 a 1 na Inglaterra e 1 a 0 na Espanha, que classificaram o Barça para a fase seguinte.

QUARTAS DE FINAL

O Paris Saint-Germain voltou a aparecer no caminho do Barcelona. Após uma vitória para cada lado na fase de grupos, o Barcelona não teve dificuldades para eliminar o rival nas quartas de final.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol Curiosidades

Com as vitórias por 3 a 1 na França e por 2 a 0 na Espanha, o Barça avançou com 5 a 1 no placar agregado.

SEMIFINAL

Na semifinal, mais uma pedreira no caminho do Barcelona, o poderoso Bayern de Munique. Na primeira partida do confronto, na Espanha, vitória do Barcelona por 3 a 0 em um confronto bastante equilibrado, decidido nos 15 minutos finais com a genialidade de Messi. Na Alemanha, o Bayern estava muito desfalcado, assim como na primeira partida, e não conseguiu reverter o placar. Apesar da vitória alemã por 3 a 2, a vaga na final ficou com o Barcelona com o placar agregado em 5 a 3 para os espanhóis.

Juventus

FASE DE GRUPOS

No Grupo-A, que tinha Atlético de Madrid, Olympiacos e Malmö, a Juventus suou para se classificar. Com 10 pontos, 3 vitórias, 1 empate e 2 derrotas, a Juve garantiu a classificação apenas na última rodada, com 1 ponto a mais que o Olympiacos. As duas vitórias contra o Malmö por 2 a 0 foram as vitórias mais tranquilas da equipe de Turim na fase de grupos.

OITAVAS DE FINAL

Assim como o Barcelona, a Juventus recebeu um adversário de respeito nas oitavas, o Borussia Dortmund.

Com uma vitória por 2 a 1 na Itália, a Juventus foi para a Alemanha e soube aproveitar os espaços que os alemães deixaram para vencer por 3 a 0, 5 a 1 no placar agregado.

QUARTAS DE FINAL

Na teoria, o sorteio da UEFA colocou o adversário mais fraco das quartas de final frente à Juventus. Na pratica, a história foi outra. Após vencer o Monaco no primeiro jogo por 1 a 0, na Itália, a Juventus se segurou em um 0 a 0 na França para se garantir entre os quatro semifinalistas da Champions.

O Monaco foi um grande adversário para a Velha Senhora.

SEMIFINAL

Na semifinal, a Juventus teve pela frente o atual campeão da competição europeia, o Real Madrid. Apesar de ser considerada a zebra do confronto pela maioria dos especialistas, a Juve venceu o primeiro confronto por 2 a 1, na Itália, e suportou muito bem a pressão merengue no jogo da volta, na Espanha, empatando em 1 a 1. No placar agregado, 2 a 1 para a Juventus e vaga na final garantida após 12 anos de espera.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo