O político petista e superintendente de futebol do Corinthians, Andrés Sanchez, envolveu-se em mais uma polêmica. Dessa vez, afirma que o clube não participará da Copa Libertadores no próximo ano, caso a Conmenbol não aumente o prêmio de 8 milhões pagos ao vencedor e os R$ 480 mil pagos por cada jogo em casa.

Segundo Sanchez, esses valores são inviáveis e viajar para uma competição a fim deobter 'apenas' esses valores é o mesmo que pagar para participar.

Com isso, ele e o presidente do clube,Roberto Andrade, vão viajar para o Paraguai na próxima terça-feira, 22, para tentar negociar com a Conmenbol e fazer o possível para convencê-la apagar mais para os clubes. Caso não haja acordo, o Corinthians está fora da competição no próximo ano.

Se Sanchez cumprir com o prometido, quem sairá beneficiado dessa desistência será o clube gaúcho Internacional, que terminou o campeonato brasileiro em quinto lugar, com dois pontos amenos que o São Paulo Futebol Clube. Andrés diz que é 'ridículo' ganhar mais na Copa do Brasil, no Paulista e no Brasileiro do que em competições internacionais.

Valores questionados

Atualmente, a Conmebol paga R$ 480 mil para os clubes em jogos 'em casa', ou seja, no estádio e país do time. Para o campeão da competição, o prêmio é de R$ 8 milhões, fora os valores pagos pelos jogos em casa e omerchandising que o clube eventualmente ganha com os patrocinadores.

Para o clube que fica até a final ou semi-final, ainda que não vença a Libertadores, o valor pago pelas partidas em casa acaba chegando aum valor bem próximo do prêmio do campeão, logo, o campeão ganha aproximadamente 15 milhões com a somatória do prêmio e dos jogos.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Corinthians

Crise financeira atingiu os gramados

Em ano de crise econômica no Brasil, os clubes brasileiros não podiam ficar ilesos. O Corinthians é o clube mais endividado desde que construiu o 'seu' estádio, graças a ajuda de Lula, e conseguiu que o time do 'povão' tivesse um lugar 'próprio' para jogar por alguns anos. O clube gastou mais de um bilhão de reais na construção e possui uma divida gigantesca com o BNDES por causa do financiamento.

Por causa das dividas, o clube corre até mesmo o risco de perder o direito de usar o Arena para poder quitar as pendências com os bancos.

Ao que tudo indica, Sanchez está blefando e fazendo uma jogada de marketing, mas e se for verdade? O que você acha do clube abandonar a competição? Opine deixando seu comentário abaixo.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo