Nunca os times ajudaram tanto os rivais como no Brasileirão 2015. O campeonato, complementado no último domingo, foi o campeão do 'fogo amigo'. Tratou-se da edição da competição com o maior número de gols contra desde que o sistema de pontos corridos foi implantado. Foram 26 em 38 rodadas.

Até então, esse recorde negativo era da temporada 2006, que também terminou com 26 times mandando as bolas contra a própria rede.

Porém, naquele ano, foram assinalados 1.030 gols em 380 partidas. A média do 'fogo amigo' foi de 1%. Na temporada atual, com um número de tentos significativamente inferior (897), esse índice foi de 2,9%.

A média de gols contra marcados em 2015 foi quase o dobro do índice histórico do Brasileirão em seu atual formato. Em 5.366 partidas realizadas a partir de 2003, foram assinalados 232 tentos dessa maneira, o que significa que 1,6% dos gols acabaram sendo obra de 'fogo amigo'.

A temporada de 2014 registrou média igual a da atual, de 2,9% de gols contra, mas com número absoluto inferior (25).

Duas equipes rubro-negras foram as que mais contribuíram para o aumento do número de gols contra na temporada 2015. Flamengo e Sport ajudaram os rivais doando quatro gols cada um. Terminam o ano como líderes do ranking do 'fogo amigo'. A Chapecoense, com três, vem logo a seguir. Dos 20 times que disputaram a Série A, 13 marcaram gols contra.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Flamengo Atlético Mineiro

E quem mais recebeu presentes dos rivais foi o Atlético-MG. A torcida do Galo comemorou seis vezes ao longo da temporada tentos marcados por jogadores do time adversário. Outro mineiro, o Cruzeiro, é o vice-líder dessa listagem tendo sido beneficiado por três gols contra. Corinthians, Goiás, Joinville e Ponte Preta comemoraram duas vezes cada um gols assinalados por atletas do time contra o qual atuavam.

Historicamente, levando-se em consideração todas as edições do Brasileirão entre 2003 e 2015, Palmeiras e Internacional lideram o ranking de gols contra concedidos. Mandaram a bola contra seu próprio gol 16 vezes. Fluminense e Sport, com 14, ficam a seguir.

O Fluminense é o maior beneficiado pelas trapalhadas defensivas dos rivais. Comemorou 21 vezes gols assinalados pelos adversários. Atlético-MG e Santos dividem a vice-liderança do ranking com 15 seguidos por Atlético-PR, Cruzeiro e Grêmio, com 13.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo