Confirmando as expectativas, o Barcelona conquistou na manhã desta quinta-feira (17) sua vaga para a final do Mundial de Clubes da Fifa, realizado no Japão. Com facilidade, o time espanhol superou o chinês Guangzhou Evergrande por 3 a 0, no Yokohama Stadium, e se credenciou para a disputa da decisão de domingo diante do River Plate (ARG).

O astro da partida foi o uruguaio Luís Suarez, que marcou os três gols. Neymar, ainda não recuperado de uma contusão muscular, e Messi - com crise renal - não entraram em campo.

Publicidade
Publicidade

A superioridade do Barcelona ficou explícita nas estatísticas da partida. Foram 75% de posse de bola para os espanhóis contra apenas 25 do time chinês - nas estatísticas oficiais da Fifa. Tal marca em favor do Barcelona não foi inferior a 70% em nenhum momento do jogo. Das seis conclusões certas a gol, três acabaram convertidas; o Barcelona ainda chutou oito bolas para fora e foi bloqueado três vezes.

No Guangzhou foram apenas três conclusões, sendo uma certa.

Publicidade

Somente nas faltas, os catalães tiveram destaque negativo: 15 na partida, contra apenas 9 do adversário

Diante de 63.870 espectadores, o Barcelona nem notou as ausências de duas das principais estrelas. Fez o simples e contou com o baixo nível técnico do conjunto adversário para construir o placar a seu favor.

No primeiro tempo, Suarez abriu o placar aos 39 min, em rebote do goleiro Li Shuai, após chute de longe de Rakitic. O segundo gol só saiu na etapa final, logo aos 4 min, em grande tabela entre Suarez e Iniesta.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol Mundo

Na entrada da área, o uruguaio deu passe para trás em direção ao meio-campista e pediu a devolução mais à frente. De primeira, Iniesta lançou e o atacante matou no peito, concluindo em gol sem deixar a bola pingar no chão.

O 'hat-trick' de Suarez aconteceu aos 22 min, em cobrança de pênalti. No lance, Daniel Alves e Munir tabelaram na área dos chineses e Huang Bowen deu um leve toque nas pernas de Munir. Suarez cobrou forte no lado direito do goleiro chinês, que acertou o canto, mas não chegou na bola.

O Guangzhou Evergrande volta a campo no domingo para a disputa de terceiro lugar diante dos japoneses do Sanfrecce Hiroshima, às 5h (horário de Brasília) no Yokohama Stadium, na preliminar da final entre Barcelona e River Plate.

Espanhóis e argentinos se enfrentam a partir das 8h30 no mesmo estádio. O título fica com o vencedor da partida. Em caso de empate, prorrogação de 30 minutos e decisão por pênaltis (caso persista o empate no tempo extra).

Publicidade

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo