A saída do atacante Ricardo Oliveira para o Futebol chinês está cada vez mais difícil de se concretizar. Isso porque o time Beijing Guoan se recusou a pagar 12 milhões de euros (R$ 53 milhões) ao time da Vila Belmiro. Para ser liberado, o atacante se propôs a pagar cerca de 4 milhões de euros (R$ 17,5 milhões) para o Santos, porém o valor está muito abaixo do que é exigido pelo Peixe.

O Santos nunca teve o interesse de se desfazer de Ricardo Oliveira, de 35 anos, artilheiro do Brasileirão 2015.

Publicidade
Publicidade

E uma das estratégias adotadas pelo Peixe é pressionar o Beijing Guoan, já que a janela de transferência entre Brasil e China se encerra nesta sexta-feira, o estafe de Ricardo Oliveira tentar convencer os chineses a toparem o negócio. O ideal é que a negociação se concretize nesta quinta-feira, mas vale lembrar que o horário chinês está 11 horas à frente do horário de Brasília. 

O atacante já expressou e deixou bem claro sua vontade em sair da equipe do Santos.

Publicidade

Porém, o presidente Modesto Roma Júnior está confiante na permanência do jogador. Em declaração, Modesto diz que Ricardo Oliveira é homem de palavra e que não cogita a sua saída: "ele não é um canalha", argumentou o presidente Modesto Roma.

Uma das possíveis causas da saída de Ricardo Oliveira seria pelo alto salário oferecido pelos chineses, cerca de 1 milhão de reais, bem acima do que hoje vem recebendo (R$ 150 mil), além de bonificações na Vila Belmiro.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol Santos

Parte deste salário oferecido seria repassado ao Santos por parte do jogador para ter sua saída liberada para o futebol asiático. O jogador, inclusive, já comprou sua passagem para a viagem para o outro lado do mundo.

O Santos exige no mínimo o pagamento de 10 milhões de euros (cerca de R$ 43 milhões) para concluir a transferência, muito abaixo do que foi oferecida na primeira proposta pelo Beijing Guoan, cerca de 5 milhões de euros. 

Enquanto a transferência não se conclui, o jogador desfalcará o time do Santos na sexta rodada do campeonato paulista, contra o Mogi Mirim, às 19h30, no Pacaembu.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo