No dia 25 de março, o Brasil enfrenta o Uruguai em Recife, e no dia 29 a seleção pega o Paraguai em Assunção, em mais dois compromissos nas eliminatórias da Copa do mMundo, que vai ocorrer na Rússia em 2018. O treinador Dunga chamou 23 jogadores para as duas partidas. A presença dos "chineses" Gil e Renato Augusto (ambos ex-Corinthians) foi confirmada pelo treinador. A seleção brasileira tem destaques como Neymar (Barcelona), Lucas Lima (Santos), os goleiros gaúchos Marcelo Grohe (Grêmio) e Alisson (Internacional) e Firmino (Liverpool) que foi chamado para a vaga de Kaká que sofreu uma contusão e foi cortado das duas partidas.

Eles são a esperança brasileira para conseguir bons resultados e avançar na classificação para a Copa do Mundo na Rússia. Outros jogadores foram também chamados e dão boas perspectivas para vitórias daqui para frente, como o artilheiro do Campeonato Brasileiro de 2015 Ricardo Oliveira (Santos), Douglas Costa (Bayern de Munique) e Oscar (Chelsea - Inglaterra). 

O importante para o técnico Dunga, é apagar a péssima imagem com que o Futebol brasileiro ficou depois do vexame no histórico jogo contra a Alemanha (7x1), em 2014.

O Brasil precisa classificar e mostrar ao mundo que não desaprendeu a jogar futebol, afinal a seleção canarinho é a única a participar de todas as Copas do Mundo, é penta campeã, e busca o hexa na Rússia. O campeonato será mais uma oportunidade para o Brasil recuperar o seu prestígio junto aos torcedores, depois de tantos escândalos de corrupção na CBF e na FIFA, os clubes brasileiros com dificuldades financeiras, o baixo nível dos campeonatos, entre outros problemas que o futebol brasileiro enfrenta e a confiança do torcedor está cada vez mais baixa.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol Santos

O momento do Brasil não é bom há muito tempo, e uma mudança se faz necessária de forma urgente, por isso, as Olimpíadas 2016 podem revelar valores importantes para o futuro do esporte mais popular do Brasil. Os clubes precisam investir mais nas categorias de base e formar novos bons valores para o futebol brasileiro. Só assim, a médio prazo, poderemos voltar à liderança do futebol mundial. 

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo