O treino da Seleção Brasileira desta terça-feira, dia 22 de março, na Granja Comary, em Teresópolis, indicou que o técnico Dunga vai inovar e provavelmente utilizará uma formação mais ofensiva para enfrentar o Uruguai, pela quinta rodada das Eliminatórias da Copa do Mundo da Rússia. O duelo acontece nesta sexta-feira, dia 25, na Arena Pernambuco, às 21h45 (horário de Brasília). Tudo indica que o comandante da "Amarelinha" abrirá mão de um centroavante fixo e apostará no esquema 4-3-3.

Durante o treinamento desta terça-feira, o treinador brasileiro não abdicou de formar um meio de campo com mais "pegada", com as presenças dos volantes Luiz Gustavo e Fernandinho - este com mais possibilidade de se lançar ao ataque eventualmente, principalmente com a ausência de Elias, lesionado. Já Renato Augusto, eleito o melhor jogador do Campeonato Brasileiro de 2015, jogando pelo campeão Corinthians, e atualmente no futebol chinês, é uma boa opção para que a bola chegue com mais velocidade aos jogadores de frente.

A intenção de Dunga, portanto, é formar o time com dois volantes marcadores e Renato Augusto como condutor da bola da intermediária em diante. Já na frente, o técnico aposta no talento e na excelente fase de um trio que tem brilhado na Europa. Neymar, camisa 10 e capitão da equipe, é um dos destaques do Barcelona, e teria a companhia de Willian, meia ofensivo do Chelsea, e de Douglas Costa, canhoto que atua pelas beiradas do campo, e que vem apresentando ótimo desempenho defendendo o Bayern de Munique.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol Seleção Brasileira

Apesar de não ter indicado entrar com um centroavante fixo - Ricardo Oliveira e Jonas ficariam como opções -, isso não é garantia de que o Brasil deixará de partir para cima do Uruguai. Jogando em casa, a Seleção precisa dos três pontos justamente para superar os uruguaios. Neste momento, o Equador lidera as Eliminatórias com 12 pontos ganhos, com três de vantagem para o Uruguai. Brasil, Paraguai e Chile somam sete pontos, mas o time pentacampeão do mundo leva vantagem nos critérios de desempate.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo