A terrível derrota para a Ferroviária fez a torcida ficar temerosa com a equipe na Copa Libertadores. O duelo contra o Rosário Central seria um verdadeiro 'divisor de águas' pela permanência do técnico Marcelo Oliveira. Sofrendo muito no segundo tempo, mas sendo decisivo na primeira etapa, o Verdão venceu os argentinos e assumiu a liderança do grupo 2. O River Plate do Uruguai tem dois pontos e está na segunda posição.

A partida contra o Capivariano, dias depois da vitória na Libertadores, não tinha tanta importância assim. Mas os atletas sabiam que era necessário vencer, pois tratava-se do time que está na última colocação do Estadual, fazendo jogos ruins e não demonstrando bom desempenho. Com show de Allione e Cristaldo, de novo, o Palmeiras goleou.

No treino desta segunda-feira (7), Oliveira teve uma excelente notícia.

Ou melhor, uma não: quatro. O lateral João Pedro, os zagueiros Edu Dracena e Roger Carvalho e o atacante Lucas Barrios treinaram sem qualquer tipo de limitação.

O jogador mais comemorado foi Barrios. Fora desde o dia 16 de fevereiro após o empate contra o River, o paraguaio ficou desde então em recuperação com problemas musculares. Por mais que não tenha jogado bem contra os uruguaios, Barrios deve assumir a titularidade na próxima quarta-feira contra o Nacional, no Allianz Parque.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol Palmeiras

Existe chances de Cristaldo entrar como titular, mas o treinador vai resolver durante os treinos da semana.

Mudança de horário

No próximo domingo, São Paulo e Palmeiras se enfrentam no Pacaembu pelo Campeonato Paulista. O jogo estava previamente marcado para às 16h. No entanto, o Brasil passará por protestos contra o Governo Federal e a Polícia Militar achou por bem alterar o horário. Portanto o choque-rei será realizado às 11h, no mesmo local.

O adversário enfrenta uma grave crise e perdeu na última partida para o São Bernardo, no Pacaembu, por 3 a 1. Na estreia da Libertadores, o tricolor foi derrotado pelo The Strongest, da Bolívia, por 1 a 0. Uma derrota para o River Plate na Argentina neste meio de semana pode complicar ainda mais as chances de classificação para a segunda fase do torneio.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo