O Fluminense derrotou o Atlético-PR por 1 a 0 nesta quarta-feira (20), no estádio Radialista Mario Helênio, em Juiz de Fora (MG), com gol de Marcos Júnior aos 35 do segundo tempo e é o primeiro campeão da Primeira Liga.

O Fluminense quebrou um jejum de de quase quatro anos sem títulos (o último foi o Brasileiro de 2012) após vencer o Atlético-PR.

O Jogo

No primeiro tempo, o Fluminense foi melhor na partida, mas não conseguiu criar grandes oportunidades de gol.

O cartão de visitas tricolor foi aos 9 minutos, na cobrança de escanteio, Cícero cabeceia e Gérson desviou a bola na frente do goleiro do Atlético-PR, que mostrou reflexo e defendeu a bola. Três minutos depois o Atlético-PR respondeu, Marcos Guilherme recebeu a bola de Walter e invadiu a área, mas bateu prensado. A bola saiu por cima do gol de Cavalieri

Aos 31 minutos, o Atlético-PR chegou com perigo.

Nikão deixou a bola com Eduardo, que bateu para o gol rasteiro e fraco, mas passou rente ao poste. Aos 36 minutos, Walter recebeu pelo meio e driblou a marcação com facilidade, e só com Cavalieri a sua frente, chutou forte e a bola foi por cima do gol. Logo em seguida, Walter lançou Nikão na área que dominou a bola, partiu para cima da marcação e arriscou o chute, na sobra Vinicius bateu de primeira e a bola explodiu no travessão.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol Fluminense

As equipes foram para o intervalo com o placar empatado.

Logo no início do segundo tempo, o Fluminense teve boa chance. Scarpa deu belo passe para Magno Alves, que entrou na área, driblou o goleiro Weverton e tentou tocar para Osvaldo, mas a bola foi fraca e Thiago Heleno cortou o passe e salvou o Atlético-PR. Dois minutos depois, o Fluminense recuperou a bola no campo de ataque, Cícero tocou de calcanhar para Scarpa que chutou para o gol e Weverton fez a defesa em dois tempos.

O gol do Fluminense saiu aos 35 minutos. Magno Alves ganhou no corpo de Paulo André e tocou para Marcos Júnior que partiu em velocidade, saiu da marcação e tocou entre as pernas de Weverton para garantir o placar do jogo.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo