O Vasco venceu por 1 a 0 o Fluminense neste domingo, na Arena Amazônia, pela sétima rodada da Taça Guanabara. O Vasco foi campeão de forma invicta e conquistou a 12ª Taça Guanabara da sua história. O gol da partida foi marcado pelo Riascos aos 21 minutos do segundo tempo.

O adversário do Vasco na semifinal do Campeonato Carioca será o Flamengo, o Vasco terá a vantagem do empate. O Fluminense enfrentará o Botafogo e também terá a vantagem do empate. Ambos os jogos acontecem no próximo final de semana em locais e horários a definir.

O jogo

O jogo começou agitado em Manaus com ambas equipes buscando o ataque. Com 6 minutos de jogo o Fluminense abriu o placar, mas árbitro anulou marcando falta no lance. O Vasco respondeu um minuto depois. Andrezinho cobrou falta de longe por cobertura, Cavalieri adiantado se recuperou e tocou na bola, que ainda bateu na trave. Logo em seguida, após levantamento na área, Riasco cabeceou a bola e Cavalieri espalmou para escanteio.

As equipes foram para o vestiário com o placar empatado.

O segundo tempo começou e o Vasco pressionou muito o Fluminense. Logo no primeiro minuto o Vasco teve boa chance, A bola sobrou para Riascos na cara do gol após cruzamento e desvio em Renato Chaves, mas o atacante do Vasco driblou, driblou mas na hora do chute foi desarmado. Aos 21 minutos o Vasco abriu o placar, Eder Luiz tocou para Riasco na área, que chutou fraco, mas a bola foi no cantinho de Cavelieri, que não conseguiu pegar.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol Fluminense

Aos 16 minutos, Marcelo Mattos e Edson acabaram se desentendendo e o árbitro expulsou os dois.

O Fluminense só apareceu aos 24 minutos, quando Wellington Silva chutou e Martín Silva fez grande defesa. O Vasco carimbou a trave novamente aos 36 minutos, Eder Luiz soltou a bomba de longe, Cavalieri desviou, a bola bateu na trave e foi para escanteio. No último minuto de jogo o Fluminense teve a chance do empate, Magno Alves deixou Osvaldo cara a cara com Martín Silva, mas o atacante chutou em cima do goleiro e desperdiçou a chance de empatar o jogo.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo