A guerra de nervos do primeiro jogo das quartas de final, em São Paulo, com jogadas ríspidas dos dois lados e muitos cartões amarelos, continuou no ar nos dias que antecederam o clássico de hoje à noite pela Libertadores. Atlético-MG e São Paulo não economizaram críticas à arbitragem e manifestações ácidas dos dirigentes de futebol. O jogo de alta tensão, sem favoritos, acontece nesta quarta-feira (18), na Arena Independência, em Belo Horizonte, às 21h45.

A transmissão, ao vivo, em rede nacional, será da Rede Globo e dos canais pagos Sportv e Fox Sports.

Todos esperam novamente um jogo “pegado”, com jogadas fortes, como foi a primeira partida das quartas de final, com dez cartões amarelos e nenhuma expulsão. Para a decisão do semifinalista brasileiro, o único que continuará na luta pelo título da Libertadores, os técnicos de Atlético-MG e São Paulo vivem situações diferentes.

O Galo ainda não tinha a posição oficial do departamento médico sobre Robinho, jogador recentemente contratado, e que era mantido em tratamento da contusão na coxa esquerda. Ele foi relacionado pelo técnico Diego Aguirre e ficou concentrado com os demais atletas. Com suspensão pelo terceiro cartão amarelo, os volantes Rafael Carioca e Júnior Urso ficam de fora.

Mais tranquilo, o técnico tricolor Edgardo Bauza terá todo o elenco titular à disposição, inclusive o meia Michel Bastos.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
PaixãoPorFutebol Atlético Mineiro

Precisando apenas de um empate para passar de fase da Libertadores, o São Paulo deve atacar apenas nos momentos certos. Pelo regulamento da competição, caso faça um gol, o adversário precisará fazer três para se classificar.

Confira as escalações das duas equipes:

Atlético-MG:Victor, Marcos Rocha, Leonardo Silva, Erazo, Douglas Santos; Leandro Donizete, Lucas Cândido, Patric, Cazares, Carlos (Robinho) e Lucas Pratto.

São Paulo:Denis, Bruno, Maicon, Rodrigo Caio, Mena, Hudson, Thiago Mendes, Michel Bastos, Ganso, Kelvin e Calleri.

O trio de arbitragem é uruguaio. O juiz principal é Andres Cunha, auxiliado por Carlos Pastorino e Horacio Ferreiro.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo