O astro da NBA, Stephen Curry, celebrou mais que os outros atletas a sua ida às Olimpíadas Rio 2016. Talvez “o bom filho a casa torna” não seja a melhor frase para definir o momento, mas, ao que tudo indica, o coração de Curry tem um espaço singelo reservado para o Brasil. O craque dos Golden State Warriors já é familiarizado com o samba, a caipirinha e o carnaval, pois, quando tinha 18 anos, visitou o país ao lado da família. Uma relação, portanto, bastante antiga de amor e saudade.

Publicidade
Publicidade

O armador, eleito duas vezes seguidas o melhor jogador da NBA (principal competição do Basquete mundial), concedeu entrevista exclusiva ao site do Comitê Olímpico Internacional (COI) e falou sobre as expectativas de retornar ao Brasil para a disputa dos Jogos Rio 2016. Curry, com toda sua irreverência e simpatia, destacou sua felicidade em retornar ao país que tanto gostou de visitar, e usou a palavra “divertido” para definir a competição de basquete olímpico, e sua expectativa em enfrentar grandes jogadores ao lado de todos seus talentosos companheiros.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
NBA

Campeão mundial pela seleção americana de basquete nos mundiais da Turquia, em 2010, e na Espanha, em 2014, Curry lamenta ter ficado de fora de uma grande chance de disputar o sonho olímpico, tendo ficado de fora de Londres 2012 devido a uma série de contusões. Jogar no Rio 2016 será a primeira experiência olímpica do atleta, e, segundo ele, o lugar não poderia ser melhor. Assim, em sua fala, Curry destacou que a oportunidade de disputar as Olimpíadas é um sonho de infância, e, combinado ao Brasil – cuja cultura, locais turísticos e toda a experiência vivida por um atleta olímpico encantam-no – faz do momento algo único e inesquecível na vida.

Publicidade

O armador de 28 anos é o principal nome do time americano, ao lado do ala do Cleveland Cavaliers, LeBron James. O time americano, como em quase todas as edições olímpicas, é a franca favorita a ouro no basquete. A equipe americana terá pela frente China, Austrália e Venezuela, os classificados até o momento para os Jogos Rio 2016.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo