Aos 26 anos de idade, a atacante do time feminino de Futebol dos Estados Unidos (United States Women’s National Team ou USWNT), Alex Morgan é considerada atualmente “o novo rosto” do esporte, não só pela beleza física, mas pela sua competência dentro de campo. A jogadora vai competir nos Jogos do Rio de Janeiro, e sonha em conquistar a sua segunda medalha de ouro olímpica - a quarta consecutiva para a seleção americana em Olimpíadas.

Morgan concedeu entrevista ao site Elle, onde afirmou que é muito competitiva e que está sempre tentando melhorar a sua performance. A jogadora ressaltou que as americanas ocupam atualmente o primeiro lugar no ranking da FIFA, e que todo o time quer provar que merece estar nesta colocação.

Até o momento, nenhum time feminino ganhou a Copa do Mundo e as Olimpíadas em sequência, e os Estados Unidos querem ser a primeira seleção a realizar tal feito.

Ganho de experiência

Em 2012, Morgan participou de sua primeira Olimpíada, em Londres, e embora já tivesse jogado em uma Copa do Mundo, afirmou que naquela época tudo era ainda “muito novo” para ela, incluindo atuar como uma titular.

A atleta ressaltou que com o ganho de experiência, passou a conhecer seu corpo muito melhor, uma vez que aprendeu quais métodos de recuperação oferecem melhores resultados a fim de estar sempre preparada para suportar os 90 minutos de duração de uma partida - especialmente quando se trata de torneios curtos como as Olimpíadas, que permitem um descanso muito reduzido entre um jogo e outro.

Morgan revelou que o time americano treina entre uma hora e meia a duas horas por dia, em preparação para as Olimpíadas, além da  realização dos jogos da temporada americana de clubes, da qual as jogadoras estão participando.

Os melhores vídeos do dia

Entre uma e duas vezes por semana, as atletas fazem exercícios em ginásio para fortalecer os músculos, e geralmente têm apenas um dia de folga.

No quesito alimentação, a musa do futebol afirma que nunca fica sem comer por mais de três ou quatro horas, e que sempre anda com um pacote de biscoitos Oreo, para repor os carboidratos perdidos.

Assista a alguns dos melhores gols da carreira de Morgan: