Anúncio
Anúncio

O jornalista Flávio Prado, do site Gazeta Esportiva e apresentador do programa Mesa Redonda, divulgou nesta segunda-feira (6) à noite que o atacante Alecsandro havia sido flagrado no exame anti-doping realizado logo após a vitória no clássico contra o Corinthians, no Pacaembu. Na ocasião, o Verdão venceu por 1 a 0 com gol de Dudu pelo Campeonato Paulista. 

A informação foi recebida com estranheza nas redes sociais. Muitos torcedores duvidaram da veracidade e até ofenderam o jornalista por meio de seu twitter oficial. Mas, nesta terça-feira (7), o Palmeiras emitiu uma nota oficial confirmando a situação. Segundo o clube, Alecsandro foi pego com O-Dephenylandarine, um anabolizante do tipo Andarine. 

A Federação Paulista de Futebol também se pronuciou.

Anúncio

De acordo com a nota, a substância usada pelo atacante do Verdão é proibida pela WADA. 

Contra-prova

O laudo e uma amostra da urina do jogador vão para os EUA. Em um laboratório de Los Angeles, será analisado e feito uma contra-prova. Se for positivo de novo, Alecsandro deverá ser punido pelo Tribunal de Justiça Desportiva. O atleta pode ficar até um ano longe de suas atividades. 

Punição aos briguentos

O Palmeiras não vai deixar barato a briga entre palmeirenses e flamenguistas no estádio de Brasília. Segundo Paulo Nobre, presidente do Alviverde, a pancadaria sujou o nome do time e isso será revisto. Os identificados na briga vão perder seus acessos ao Allianz Parque por intermédio do Avanti.

Anúncio
Os melhores vídeos do dia

Além disso, Nobre estuda processar os torcedores por meio do clube e evitar que mais brigas aconteçam. 

A atual diretoria é completamente rompida com todas as torcidas organizadas. No começo da gestão, Nobre até compareceu em eventos de algumas torcidas, mas após a briga em um aeroporto de Buenos Aires, pela Libertadores 2013, onde Fernando Prass teve ferimento na orelha, o diálogo terminou por completo. 

Sem o Allianz Parque

A WTorre confirmou evento no Allianz Parque no dia em que o Palmeiras encararia o América-MG. Torcedores prometem fazer muito barulho do lado de fora e dificultar a exibição do filme "Independence Day".