O mercado especulativo do Palmeiras amanheceu bastante movimentado. Dois jogadores estariam conversando para vestir a camisa alviverde a pedido do técnico Cuca. 

Cuca revelou tal necessidade em entrevista coletiva após empate com o Coritiba, fora de casa. Segundo o treinador, seria necessário buscar um atleta para a vaga de Alecsandro, que foi suspenso por uso de remédio proibido. Previamente fora por 30 dias, o jogador pode pegar 'gancho' maior e até deixar o clube paulista. 

Leandro Damião

O jornalista Jorge Nicola, da Rádio Bradesco Esportes, garantiu que Cuca pediu Leandro Damião em reunião com a diretoria.

Publicidade
Publicidade

Damião voltou do Bétis, da Espanha, e aguarda propostas. Corinthians, Internacional e Vasco também estariam de olho no atleta, ex-seleção brasileira. 

No Brasil, o Palmeiras seria o único clube que bancaria os salários. Não existem estimativas concretas, mas Damião deve receber em torno de R$ 600 mil mensais. Os outros clubes não conseguiriam manter o padrão financeiro por muito tempo, gerando insegurança no staff do atleta. 

Leandro Pereira

Leandro Pereira é outro jogador que pode vestir a camisa alviverde.

Publicidade

Segundo a TV Bandeirantes, Pereira também foi um pedido do técnico Cuca. No Brasil, o atleta acompanhou a vitória palmeirense diante do Santa Cruz, por 3 a 1. Nas arquibancadas ouviu o pedido de retorno de muitos torcedores. 

Em agosto de 2015, o jogador foi negociado com o Club Brugge, da Bélgica. A negociação se deu muito rapidamente e nem deu tempo para Pereira se despedir. Em seu perfil nas redes sociais, o ex-palmeirense lamentou a saída e confirmou que um dia voltaria e "seria feliz novamente". 

Gabriel Jesus

A chegada de dois atacantes pode apontar uma provável saída de Gabriel Jesus.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol Palmeiras

A promessa palmeirense é cobiçada pelos maiores times da Europa e não deve seguir por muito tempo no Brasil. Os Jogos Olímpicos, no Rio de Janeiro, devem ser o "divisor de águas" pela permanência do atleta. Segundo o jornal Sport, o Palmeiras negou proposta de R$ 73 milhões. O clube tem apenas 30%.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo