O Grêmio conheceu na noite desta quinta-feira a sua primeira derrota jogando em casa pelo Brasileirão 2016. O resultado foi marcado por muita polêmica com a arbitragem de Sandro Meira Ricci, que assinalou um pênalti contestável no segundo gol dos baianos, que venceram por 2x1. O experiente Dagoberto foi ao chão em lance com o zagueiro Bressan e ganhou o pênalti. Na jogada, o defensor gremista levou o segundo amarelo e foi expulso.

Mesmo que a arbitragem tenha se equivocado no lance, Bressan voltou a ser personagem de uma derrota do Grêmio. Na partida de ida das oitavas de final da Libertadores da América, também na Arena, ele errou um cabeceio e permitiu o único gol da vitória do Rosario Central, que confirmou a classificação uma semana depois. Antes do jogo contra o Vitória, o técnico Roger Machado pediu apoio dos gremistas a Bressan - e voltou a defender o seu jogador mesmo após a derrota.

"Ele é um atleta nosso, que pertence ao nosso clube. É da nossa confiança, ainda que em alguns momentos tenha cometido falhas. Nós entendemos que a torcida precisa incentivar. Quando vem a vaiar, acabo deixando o atleta insegurança nas tomadas de decisões dentro de campo, o que não é bom. Por mim, não vaiariam. Temos que contextualizar a partida de hoje, para não deixar as coisas simples. Temos que considerar o erro do juiz.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Grêmio

Se não marca o pênalti, não tem cartão amarelo e não tem expulsão", defendeu Roger Machado.

Bressan voltou a aparecer na equipe titular pelas lesões de Pedro Geromel e Wallace Reis. Contra o Vitória, ele formou dupla de zaga com Fred. Para o fim de semana, a alternativa de Roger Machado é utilizar o jovem Thyere ao lado de Fred para o duelo contra o Atlético Paranaense, no Paraná, domingo, às 16h.

Com a derrota para os baianos, o Grêmio estacionou nos 18 pontos, mas mesmo assim segue em terceiro lugar na tabela de classificação. O Palmeiras se isolou na liderança com 22 pontos e o Inter, que também na quinta não passou de um empate contra o Coritiba, fora de casa, é o segundo com 20.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo