A grande final da Eurocopa, Campeonato Europeu ente países, que aconteceu neste domingo (10), entre França e Portugal teve uma grande surpresa, não esperada, nem imaginada por ninguém, logo nos primeiros minutos de jogo. O grande astro do Futebol Cristiano Ronaldo, de 32 anos, que defende a seleção de Portugal, se machucou logo no início e teve que deixar a decisão. A situação foi tão decepcionante que o jogador deixou o campo chorando. 

A França começou bem melhor no jogo e botando pressão sobre o time de Portugal. Aos oito minutos, em um dos primeiros momentos em que Cristiano Ronaldo tocou na bola, ele levou uma pancada do jogador Payet.

Cristiano já tinha dominado a bola quando levou a pancada e o Juiz do jogo não marcou sequer falta no lance.

O astro do Real Madri sentiu na hora a pancada e foi atendido. Cristiano continuou mancando de dor e, aos 24 minutos de jogo, desabou ao chão.

Tendo noção da gravidade da situação, saiu do campo chorando muito e foi substituído por Ricardo Quaresma. O acontecimento foi tão triste e abalou todos os presentes no Stade de France, em Saint-Dennis. Houve um silêncio no estádio que deixou claro que, tanto os torcedores franceses quanto os portugueses, sentiram a saída do maior astro da competição.

A cena de Cristiano Ronaldo deixando o campo chorando em uma final de campeonato lembra em muito uma cena recente do futebol mundial, quando, o também astro do futebol, Lionel Messi deixou a final da Copa América Centenário em prantos, mas, no caso dele, por ter desperdiçado uma cobrança na disputa final por pênaltis.

Os melhores vídeos do dia

Essa foi uma final inédita na Eurocopa. A França buscava seu terceiro caneco na história do torneio, pois foram campeões nos anos de 1984 e 2000. O time de Portugal corria atrás do seu primeiro título, o caneco inédito, que não veio durante o torneio de 2004, quando perderam a decisão em casa para o time da Grécia, ficando com o título de vice-campeão.

Mas hoje a história teve um final diferente. Mesmo com o grande astro do time não jogando a maior parte do jogo, a seleção de Portugal conseguiu levar o tão sonhado título. A seleção de Portugal venceu a seleção da França por 1 a 0. O jogo só foi decidido aos 3 minutos da prorrogação, com gol do atacante Éder.