Marcar gols fora do Morumbi não tem sido a especialidade do São Paulo nesta temporada e essa estatística deixa o torcedor tricolor apreensivo já que o time precisa balançar as redes, ao menos, duas vezes no Estádio Atanasio Girardot, em Medellín, sem permitir que o Atlético Nacional marque um gol, sequer, em sua própria casa. Se o time paulista construir o placar favorável de 2 a 0, a vaga na final será decidida em cobrança de pênaltis.

Em caso de um gol do clube colombiano, o São Paulo terá de fazer três para se classificar às finais da Libertadores sem precisar sofrer com penalidades.

Neste ano, o time de Edgardo Bauza só anotou dois tentos fora de casa uma única vez; foi no último dia 19, no empate em 2 a 2 contra o Flamengo, jogo realizado no estádio Mané Garrincha, em Brasília, pela 9ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Em 22 partidas disputadas em 2016, na condição de time visitante, o tricolor paulista marcou 17 vezes e venceu só três jogos pelo placar de 1 a 0, sendo que uma das vitórias refere-se a um amistoso contra o Cerro Porteño-PAR, que realizou-se no início do ano como parte das negociações para o retorno de Diego Lugano.

Os outros dois êxitos são-paulinos fora de casa aconteceram sobre o Botafogo-RJ, dia 15 de maio, pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro, e contra o Cruzeiro, dia 5 de junho, pela 6ª rodada do nacional.

LUZ NO FIM DO TÚNEL

Mas nem tudo está perdido para o Soberano, pelo menos é o que mostram os números do tricolor que sempre marcou gols jogando fora de casa no torneio continental, motivo que fez o tricampeão da Libertadores chegar às semifinais desta edição.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol São Paulo FC

O São Paulo atuou fora do Morumbi em seis jogos da Copa Libertadores,mas não venceu nenhum deles; foram quatro empates e duas derrotas com seis gols marcados. Assim, se manter o prognóstico, a equipe tricolor terá de mostrar vontade, garra e dar a vida pela classificação na final marcando, pelo menos, mais um gol além do que faz habitualmente.

Por outro lado, a luta tende a ser bem difícil pois o Atlético Nacional, nesta Libertadores, não foi derrotado em casa por nenhuma equipe.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo