O técnico Bernardinho anunciou o corte dos três últimos jogadores da seleção brasileira masculina de Vôlei para os Jogos Olímpicos. Além do ponteiro Murilo, com estiramento na perna esquerda, e que não vinha atuando na Liga Mundial, não farão parte do time olímpico o central Isac e o líbero Tiago Brendle.  Assim, a lista com doze jogadores está completa.

Em rede social, Jaqueline, mulher de Murilo e ponteira da seleção feminina, lamentou o corte, e postou mensagem emocionada ao jogador: “Está difícil aceitar que vc não estará comigo naquela Vila Olímpica.

Publicidade
Publicidade

Vc lutou até o último momento, mas infelizmente a sua lesão não o deixou prosseguir... Vou lutar para trazer essa medalha e honrar a nossa família! Te amo guerreiro”, finalizou.

O casal está junto há sete anos e tem um filho, o menino Arthur. No início de junho, a jogadora deu uma declaração polêmica sobre a pressão de disputar os Jogos Olímpicos no Brasil e comentou, inclusive, que não gostaria que seus familiares, incluindo o menino, fossem ao Maracanãzinho para assistir as partidas do Brasil.

Publicidade

No domingo, também em rede social, o ponteiro Murilo criticou o presidente da Federação Internacional de Vôlei, Ary Graça, por “não cumprimentar” a seleção brasileira feminina de vôlei no pódio, após a conquista do título do Grand Prix.

A lista completa do vôlei masculino ficou assim: Bruninho, William, Lucarelli, Maurício Borges, Lipe, Douglas Souza, Wallace, Evandro, Lucão, Maurício Souza, Éder e Serginho. Nesta terça-feira (19), a seleção masculina desembarca no Brasil, após a disputa da fase final da Liga Mundial, na Polônia.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Vôlei

Até com uma certa facilidade, a equipe foi vencida na final pela Sérvia, país que não se classificou para as Olimpíadas. O placar final foi de 3 a 0, com parciais de 25/22, 25/22 e 25/21. Na primeira fase do torneio, o Brasil também foi superado pela seleção sérvia, na casa do adversário, por 3 a 1.

Agora, os jogadores ganharão folga de dois dias e retomarão os treinamentos finais no CT de Saquarema, no Rio.

A estreia do Brasil está programada para o dia 7 de agosto, às 9h30, contra o México.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo