O meia atacante argentino Adrián Ricardo Centurión, de 23 anos, está de saída do tricolor, segundo informações da própria diretoria do clube que afirma que o ciclo do atleta chegou ao fim.

Na argentina, Centurión é disputado por Racing, cujo técnico Facundo Sava relatou que conversas para sua contratação já foram iniciadas, e Boca Juniors, que já fez uma proposta e só aguarda retorno do time paulista, segundo informou o presidente do clube argentino, Daniel Angelici. 

O São Paulo não deve criar nenhuma dificuldade para que algum desses clubes feche um acordo pelo atacante. No entanto, claro, o clube paulista espera por propostas com bons valores para ceder o jogador mesmo por empréstimo já que seu contrato encerra-se apenas em 2019.

Luiz Araújo, atleta com 20 anos e também com contrato com o São Paulo até 2019, pode ser o maior beneficiário da negociação e transferência de Centurión à Argentina, isto porque o jovem está nos planos do técnico Edgardo Bauza para assumir a vaga deixada pelo argentino.

O ataque são-paulino acabou enfraquecido com as baixas de Jonathan Calleri, Alan Kardec e Ytalo, mas a cartolagem tricolor providenciou as chegadas de Gilberto e Andrés Chávez para o setor. Atualmente, além dos dois recém contratados, Bauza também conta com o próprio garoto Luiz Araújo e Kelvin, mas pediu aos dirigentes tricolores a contratação de ao menos mais um atleta para atuar como centroavante e mencionou os nomes de Lucas Barrios, do Palmeiras, e Lucas Pratto, no Atlético-MG.

Araújo pode ser bem utilizado na formação tática tradicionalmente colocada em campo pelo treinador do São Paulo, 4-2-3-1, dentro da linha com três meias sendo que Michel Bastos, Kelvin, Cueva e, agora também, Chávez, devem ser revezados no setor.

Os melhores vídeos do dia

No próximo domingo (31), no Morumbi, o São Paulo receberá a Chapecoense, às 11h, em partida pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro. Ambas as equipes tem a mesma pontuação no torneio, 22 pontos, mas o tricolor paulista está na 9ª posição graças ao saldo de gols, enquanto que a equipe de Santa Catarina, na 10ª colocação.

Para esta partida o treinador argentino deve colocar como titulares no meio de campo os jogadores Kelvin, Michel Bastos e Cueva, mas Chávez, o 'Comandante' que recebeu a camisa 9 em sua apresentação, poderá ser lançado no mesmo setor após realizar treinamento aberto pela esquerda no CT da Barra Funda.

Com Centurión no banco de reservas, o canhoto Luiz Araújo disputou a segunda partida da semifinal da Copa Libertadores da América contra o Atlético Nacional, campeão desta edição do torneio. O jovem atacante demonstra extrema habilidade aliada à velocidade e dribles desconsertantes e é uma grata promessa formada em Cotia.