Edgardo Bauza aceitou o convite feito oficialmente, nesta segunda-feira (1), para ser o novo treinador da Seleção da Argentina. A confirmação partiu da assessoria de imprensa do São Paulo Futebol Clube, que divulgou nota oficial no início da noite.

A comunicação foi feita no site do tricolor e informa que Patón, depois de oito meses trabalhando e dedicando-se à reconstrução do time são-paulino, se despede do clube que, por sua vez, agradece o que o treinador argentino realizou na equipe e lhe deseja sorte na caminhada profissional citando que, assim como Juan Carlos Osorio, técnico da seleção do México, Bauza irá assumir o comando de uma importante seleção nacional a partir do trabalho realizado no Morumbi.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Futebol

Bauza esteve reunido com os dirigentes argentinos no último dia 22 de julho, em Buenos Aires, mas retornou ao Brasil no mesmo dia, uma sexta-feira, dizendo que não ouviu nenhuma proposta oficial dos compatriotas.

De fato, outros nomes eram cotados para a substituição de Tata Martino como Jorge Sampaoli, por exemplo, e a possibilidade de Bauza ser o comandante da seleção argentina até chegou a esfriar na última semana, mas reascendeu após a recusa do Sevilla em ceder Sampaoli em regime de 'compartilhamento'.

Alegando que os cartolas argentinos debateram nomes durante cinco dias, o presidente da Comissão Normalizadora da AFA (Associação de Futebol Argentino) Armando Pérez afirmou que a escolha de Edgardo Bauza foi estratégica diante do momento atual do time alviceleste.

Patón deve se reunir com os dirigentes da AFA na próxima sexta-feira (5) para acertos de últimos detalhes e deve assinar, segundo Pérez, um contrato para um longo período na direção do futebol argentino.

O São Paulo, que perdeu Jonathan Calleri, Paulo Henrique Ganso, Alan Kardec e, agora, seu técnico; caiu da nona para a 10ª posição na tabela do Campeonato Brasileiro após o empate em 2 a 2 contra a Chapecoense, no domingo (31), no Morumbi, partida válida pela 17ª rodada do torneio.

Os melhores vídeos do dia

Com um aproveitamento de 45,1% e com 23 pontos, o tricolor já tem nome de um técnico experiente para substituir Bauza  mas José Médicis, vice-presidente de futebol, não revelou quem é esse novo técnico.

Para a partida da próxima quinta-feira (4) contra o Atlético-MG, às 19h30, no Morumbi, o auxiliar técnico Pintado deverá assumir o comando do tricolor.

Edgardo Bauza desembarcou no país em janeiro deste ano para comandar, pela primeira vez em sua carreira, um clube brasileiro. O argentino caiu nas graças da torcida são-paulina quando colocou o time na Libertadores com pinta de campeão, tendo seguido até às semifinais do torneio. Sob seu comando o tricolor disputou 48 partidas mas teve um rendimento bem abaixo das expectativas: 46,5% com 18 vitórias, 17 derrotas e 13 empates.

O agora ex-técnico são-paulino deverá estrear no comando da seleção argentina no dia 1 de setembro pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018, contra a seleção do Uruguai.