Durante o lançamento oficial da candidatura de Pedro Abad à presidência do Fluminense, ocorrido no início da noite desta terça, na sede das Laranjeiras, a boa notícia foi dada pelo atual ocupante da cadeira. Ao mesmo tempo que oficializava o seu apoio ao postulante, Peter Siemsen revelou que, na parte da tarde, assinou a compra de um terreno na Barra da Tijuca para a construção de um estádio. Segundo o mandatário, o local possui uma área de 60 mil metros quadrados e fica próximo ao futuro Centro de Treinamento, que será inaugurado em outubro.

"Fizemos um acordo com o dono de um terreno, que fica perto do CT, na Barra da Tijuca. Agora, temos um papel importante a desenvolver com o poder público", declarou Peter, ressaltando a necessidade de licenciar a área e aumentar o poder de construção.

O presidente tricolor também fez questão de agradecer ao prefeito Eduardo Paes. De acordo com Peter Siemsen, o governante do Município do Rio foi bastante parceiro e cedeu a área por um período de 100 anos.

Ainda não há definição do projeto nem quando o estádio, que terá capacidade para 42 mil espectadores, começará a ser erguido.

Antigo sonho de diretorias e torcedores, o estádio passou a ser visto como uma prioridade no Fluminense diante da inviabilidade de jogar nas Laranjeiras e o Maracanã estar impossibilitado de receber partidas de futebol durante um longo período de 2016por conta das últimas Olimpíadas e Paralimpíadas.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
PaixãoPorFutebol Fluminense

Enquanto isso, dentro de campo, o técnico Levir Culpi segue trabalhando a equipe para o restante do Campeonato Brasileiro. Depois de dois dias de folga, concedida como prêmio pelas vitórias, fora de casa, sobre Grêmio e Corinthians, ambas por 1 a 0, o elenco se reapresenta na quarta, às 15h30 (de Brasília), nas Laranjeiras. No sábado, o Fluminense recebe, no Giulite Coutinho, o Sport pela 28ª rodada do certame.

Se vencer, o Tricolor, quinto colocado com 43 pontos, pode ultrapassar o Santos e, finalmente, ingressar no G-4 da principal competição do futebol nacional.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo