Uma boa notícia para o Fluminense na tarde desta sexta. Considerado a maior referência do atual elenco, Gustavo Scarpa acertou a renovação de seu contrato com o Tricolor, que se encerrava em 2019, até o final de 2021. Não foi divulgado o valor da multa rescisória desse novo vínculo.

Como ele terá que romper o acordo em vigor, o que representaria a sua ausência do importante compromisso de domingo, às 18h30 (de Brasília), no Couto Pereira, diante do Coritiba, quando o Fluminense precisa vencer para sair dos 46 pontos e ter chances de retornar ao G-6 do Campeonato Brasileiro (por enquanto, ocupa a nona colocação), a tendência é de a assinatura do novo contrato ocorra no início da próxima semana, nas Laranjeiras.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal PaixãoPorFutebol

Tendo 22 anos, Gustavo Scarpa foi revelado nas categorias de base do próprio Fluminense. Para ganhar mais experiência, disputou o Campeonato Paulista de 2014 pelo Red Bull Brasil, de Campinas, sua cidade natal.

Naquele mesmo ano, retornou às Laranjeiras e começou a participar de alguns jogos da equipe profissional. Efetivado em 2015, começou a agradar tanto à diretoria quanto aos torcedores, mas acabou se firmando nesta temporada, especialmente após a ida de Fred para o Atlético-MG. Em seu currículo, também há o registro de dois jogos com a Seleção Brasileira Sub-23 durante o período de preparação do escrete canarinho para as Olimpíadas de 2016, no Rio. Ao longo de sua carreira, esteve em campo por 101 ocasiões, marcando 21 gols e dando 22 assistências para outros companheiros balançarem as redes.

Pela manhã, o Flu realizou mais uma atividade, dessa vez no seu Centro de Treinamento, na Barra da Tijuca. O técnico Levir Culpi aproveitou para realizar vários testes, mas ganhou uma séria dúvida. Escalado ao lado de Henrique, o zagueiro Renato Chaves torceu o tornozelo direito e será reavaliado no sábado.

Os melhores vídeos do dia

Caso não tenha condições de enfrentar o Coritiba, Gum, que vem sendo bastante contestado, permanece como titular no setor defensivo da agremiação. Outra dúvida é o volante Pierre, reclamando de dores musculares. Desfalque confirmado será o do lateral-esquerdo William Matheus (incômodo na coxa direita). Giovanni segue ocupando a vaga.

No sábado, às 9h (de Brasília), ocorre, nas Laranjeiras, o último treinamento da equipe. Logo em seguida, a delegação embarca para Curitiba.